fanfic
Capítulo : 1  

‘’ O amor faz o ser humano ser capaz de superar os seus limites. ‘’


                                              


Alfonso andava na sua moto pelas ruas de Nova York, num sinal fechado, ele fecha os olhos e pensa na sua droga de vida, do que adiantava ser filho de pais tão ricos e não ter á felicidade que ele tão procurava ao abrir seus olhos se deparou com uma garota que observava as ruas na janela do carro, ela é tão bonita pensou Alfonso, mas logo ele sentiu uma enorme necessidade de falar com ela, aproximou a moto ao lado do carro dela e a encarou, a garota tinha os grandes olhos azuis arregalados e Alfonso sorriu.


- Feia! – ele disse olhando a garota, não havia a achado feia, mas sentia uma vontade de implicar com ela, ela o encarou séria e ele sorria galanteador. – Você é muito feia, sabia garota? – ele pegou em uma das mãos dela e começou a alisar, como se fosse um carinho, para que ela percebesse que ele não a odiava, não conhecia aquela garota, porém Alfonso sentiu uma ligação forte quando lhe tocou a mão.


Logo a garota tirou a mão da de Alfonso e o encarou séria, mas tinha os olhos azuis brilhando e encarava-o, logo o sinal abriu e o carro dela se distanciou e Alfonso com um longo suspirou pensou que talvez nunca mais a visse na vida. Alfonso ou Poncho como preferia ser chamado não era um rapaz de se apaixonar, na verdade ele não sabia o que era o amor, para ele só existia sexo e ponto, filho de pais ricos, mais tanto dinheiro não trazia a alegria de viver que Alfonso sonhava obter um dia. Logo chegou a uma praça e encontrou seu melhor amigo Christopher sentado em um banco, se aproximou e sorriu para o amigo.


- E ai cara hoje tem? – Ucker perguntou a Alfonso que sorriu, adorava participar de rachas com a sua moto, e Christopher era o seu companheiro nessas aventuras.


- Claro, vamos sim parceiro. – disse se sentando no banco ao lado de Christopher que olhava para o movimento nas ruas enquanto Alfonso levava um cigarro na boca, sempre tivera um habito de fumar.


- Tenho umas entradas para uma festinha de riquinhos sábado á noite. – disse com um sorrisinho. – Topa em chamar a galera e invadir a festa? – Alfonso deu uma tragada no cigarro e observou o amigo, Christopher era uma ótima pessoa mais tinha o mau hábito de roubar coisas e quando ele falava em invadir é porque ele iria saquear a festa e isso poderia terminar mal, porém Alfonso amava uma aventura que envolvesse polícia no meio.


- Conte comigo, parceiro! – sorriu malicioso ao imaginar o que faria naquela festa.


                                                   ----


Na enorme escola Hidgate School, mas precisamente na sala do terceiro ano, Anahí conversava animadamente com a sua melhor amiga Dulce Maria, elas eram inseparáveis e eram populares.


- Tipo, você vai à festa da Britney? – dizia Dulce empolgada. – Ela faz festas arrasadoras. – Anahí negou com a cabeça, ás vezes Dulce se rebaixava um pouco as outras garotas o que não deveria acontecer, pois ela era uma bela ruiva de olhos chocolates e corpo perfeito.


- Dulce minha querida, coloca uma coisa na sua cabecinha, se nós não formos à festa da Britney ninguém vai, pois nós somos as mais populares daqui. – falava convencida, enquanto enrolava a ponta dos seus longos cabelos loiros.


- Mas ainda acho que vai ser a melhor festa do ano. – Anahí rolou os olhos e Dulce tagarelava coisas fúteis, até que a professora de Química chega à sala e logo a classe fica em silêncio.


- Hoje será a prova oral de química, irei chamar alguns aqui na frente para responder o que eu perguntar. – Dizia ela com cara fechada e Dulce fechou os olhos e cruzou os dedos, não havia estudado nada.


- Se ela me chamar estarei ferrada! – sussurrou Dulce baixinho á Anahí.


- Senhorita Perroni, Cyrus, Peregrín e por fim Saviñón! – Disse e logo as meninas foram a frente e Dulce ficou sentada.


- Me ajuda Annie! – disse desesperada.


- Pega o celular. – disse Anahí. – Eu vou te passar a resposta por mensagens seja discreta, por favor, Dulce.


- Ok! – a ruiva foi para frente e a professora copiou uma pergunta no quadro ‘’ Dê a fórmula molecular e estrutural na geometria molecular correta dos seguintes gases provenientes da putrefação do lixo orgânico: metano, amônia, hidrogênio e dióxido de carbono. ’’ – Fudeu! – sussurrou Dulce e encarou Anahí que estava com os olhos arregalados e negou com a cabeça, o que era um sinal de que ela não tinha como pesquisar aquilo.


- Senhorita Saviñón! - Dulce olhou a professora apreensiva e engoliu seco. - Dê-me a resposta! - Dulce abaixa a cabeça e olhou a resposta pelo celular e logo fala e encara a professora que estava séria.


- Muito... - Dulce sorriu tinha se safado dessa, ou talvez não. - Muito é o que você vai ter que estudar para entrar numa boa universidade, Agora, me dê esse celular. - estendeu a mão e Dulce abaixou a cabeça e entregou o celular a ela, a professora observou que a resposta vinha de um número de celular e discou, logo depois na sala começou a tocar uma música eletrônica que vinha na direção de Anahí. - Senhorita Portílla! - encarou Anahí que mordia o lábio inferior, sempre que ficava nervosa ela fazia isso. - Você só assiste minha aula se seus pais aparecerem na escola e conversarem com a diretora. - Anahí suspirou fortemente. - E você Saviñón, aguarde-me na diretoria! - Dulce encarou Anahí com um olhar que significava um pedido de desculpas e logo saiu da sala.



Autor(a): Ianka
PROMOVA A SUA FANFIC:



Próximo Capítulo

Comentários da Fanfic (16)


Comentários do Capítulo:
  • Enquete do Autor

Warning: mysql_result() [function.mysql-result]: Unable to jump to row 0 on MySQL result index 24 in /home/fanfics/public_html/enquete_usuario.php on line 4

Warning: mysql_result() [function.mysql-result]: Unable to jump to row 0 on MySQL result index 24 in /home/fanfics/public_html/enquete_usuario.php on line 5


    Warning: mysql_fetch_array() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/fanfics/public_html/enquete_usuario.php on line 73


® Todos os Direitos Reservados - © Copyright 2011 - Política de Privacidade