fanfic
Capítulo : 1  

POV SAKURA


Passei muitos anos achando que estava apaixonada por um garoto que mim ignorava completamente. Isso mexe com o psicologico e a autoestima de qualquer garota. Estava cansada de ser ignrada e ainda por cima ser mal tratada e resolvi mudar a minha situação. Mas eu não esperava mim apaixonar por outro do nada, e esse amor ser ainda maior do que eu sentia pelo meu companheiro de time. E mais uma vez, esse era um amor que não seria correspondido em um milhão de anos.


POV NARRADOR


–Você viu como a Sakura está mudada?_Naruto disse abraçado a Hinata que estava sentada do seu lado em um banco de praça.


–Vi, ela nem atrás do Sasuke esta correndo mais._Hinata disse corando quando sentiu acariciar suas costas chegando perto de sua bunda, dando uma apertada no local discretamente.


–Acho que ela quer que você, Sasuke. Pense que ela não esta mais nem aí pra você, só para chamar a sua atenção e você ficar correndo atrás dela_Ino disse.


–Eu acho que não_Hinata disse olhando indignada para ino.


–Se for isso, ela está perdendo o tempo dela_Sasuke disse olhando desinteressado pra todos ali presente na roda.


Sakura que estava andando pela vila, viu seus amigos na praça e resolveu juntar-se a eles.


–Oi pessoal!_Ela disse assim que se aproximou_Resolveram fazer um passeio e nem mim chamaram?_Ela perguntou sentando ao lado hinata e bem longe do Sasuke.


–Passamos na sua casa mais você não estava._Naruto respondeu encarando Sakura desconfiado por ela não ter tentando nenhuma aproximação com o Sasuke.


–Tive que comprar algumas coisas no mercado._Sakura respondeu dando de ombros_E depois resolvi caminhar um pouco.


–Ata_Foi o que todos disseram.


Apesar de dizer que não se importava, Sasuke ficou curioso com a mudança de Sakura. Mais resolveu esquecer aquilo. Todos ficaram conversando e se divertindo a bastante tempo. Até que Kakashi apareceu, para a surpresa de Sakura.


–Sakura, venha comigo. Tsunade está nos chamando._Ele disse olhando só para a rosada ignorando o restante.


–Tu-tudo bem._Ela disse fazendo um esforço tremendo para não corar_Depois a gente se fala pessoal.


Os dois sairam pulando de telhado em telhadp para chegar rapidamente na casa da hokage.


–Que bom que chegaram_Tsunade disse ao ver o casal em sua sala já a esperando.


–Aconteceu alguma coisa, Tsunade?_Kakashi perguntou.


–Não necessariamente_Respondeu tsunade_Preciso que levem um pergaminho até suna._Ela explicou.


–Só isso?_Kakashi perguntou incrédulo_Poderia ter chamando qualquer um para esse trabalho_Ele disse exasperado. Não queria ficar perto de Sakura e muito menos ficar sozinho com a mesma.


–Mas estou pedindo a vocês dois_Tsunade disse séria_O pergaminho contém informações secretas e preciso de gente de confiança_Tsunade disse.


–Obrigada por confiar em nós_Sakura agradeceu. Mas também compartilhava do mesmo pensamento de Kakashi, mesmo sem saber._Mas a senhora não poderia chamar outros?_Ela perguntou.


–Não, os mais de confiança estão em missões e por isso vocês vão. e fim de papo_Tsunade disse encarando sakura.


–Entregaremos o pergaminho então_A rosada disse.


–Tenho certeza que sim_Tsunade disse com um sorriso de canto_E antes que eu mim esqueça, peguem o caminho pelas montanhas.


–Por quê?_Kakashi perguntou desconfiado_Se fomos por esse caminho, levará o dobro do tempo para chegarmos a suna. E sem falar no clima chuvoso de lá. Irá é nos atrasar.


–Só façam o que eu disse_Tsunade disse ficando irritada. ´´Mais como podem serem tão burros?``, ela pensou_Estão dispensados_Tsunade disse para o casal que sairam da sala em silêncio.


–Partiremos em duas horas, esteja pronta_Kakashi disse seco para Sakura e pulou a janela não dando tempo para ela dizer qualquer coisa.


Tsunade ficou divagando em sua sala, pensando em seu planoque poderia dar certo ou terrivelmente errado. Mas já estava cansada de ficar observandoa lerdeza dos dois. Tinha que ajuda-los de alguma forma.


Passar dias sozinhas com o copy ninja, não estava na mente de Sakura. Mas era melhor do que nada. ´´Quem sabe não******alguma coisa? Impossível.Kakashi só mim ver com uma garota que explode fácil``, pensou ela respirando fundo e cansada. Lá estava ela novamente apaixoada por alguém inalcançável.


(...)


Duas horas depois estavam saindo pelo portão principal, assim como Tsundade havia ordenado, pegaram o caminho pelas montas. Já fazia algum tempo que estavam correndo, pulando de árvore e árvore e do nada começou a chover. O casal ficaram ensopados, e resolveram acampar. Procuraram por um local seco e coberto e acabaram achando uma caverna escura e pararam ali para descansar.


–Essa chuva vai atrasar ainda mais nossa missao_Sakura dise torcendo seu cabelo para tirar o excesso de água.


–Eu também acho_Kakashi concordou olhando para Sakura, que estava com a roupa grudada em seu corpo mostrando suas curvas. dando asas a imaginação de Kakashi de como seria o corpo da rosada sem nada para lhe cobrindo. ´´Você não pode kakashi! esqueça ela!``, ele pensou. O que ninguém sabia, é que Kakashi também nutria sentimentos por sa aluna. Por isso a sua agitação quando soube que ficaria sozinho com sakura. Era muita tentação para ele. E não sabia se seria capaz de resisitr.


Kakashi ascendeu uma fogueira, enquanto Sakura foi para trás de uma pedra trocar de roupa. Quando voltou, viu seu professor só de calça e com o peito nu. Corou feito um tomate. Aquilo era perfeição demais para ela.


–eEsta com fome?_Kakashi perguntou quando sentiu a presença de Sakura, que só foi capaz de assentir com a cabeça.


Os dos comeram em silêncio e foram dormir. A chuva não dava nenhuma trégua, e para completar, a fogueira e os finos cobertores que não estava ajudando a espntar o frio. Kakashi percebeu que Sakura estava tremendo de frio. O certo seria deitarem juntos para que o corpo dos dois, esquentasse um ao outro. Mas ficou com medo dela pensar que ele estava dando em cima dela e fechou os olhos tentando dormir.


Sakura batia o queixo de tanto frio, queria algo quente para se esquentar e entao sua mente deu um estalo. Ela levantou enrolada no cobertor e se aproximou de Kakashi que parecia já está dormindo. O cutucou e ele não se mexeu, o cucutou de novo só que mais forte e ele acordou finalmente.


–Sakura? O que foi?_Kakashi pergunou sentando-se.


–Estou com muito frio_Ela disse_Será que posso deitar do seu lado?_Ela perguntou e o coração de Kakashi acelerou_Por favor?_Sakura insistiu. aquilo não era charme, só um pouco. Mas o frio que ela sentia era maior do que a sua vontade de fazer charme.


–Ta-tá_Kakashi respondeu gaguejando. e se amaldiçoou por isso.


Sakura imediatamente deitou-se ao lado de Kakashi e o surpreendeu ao abraça-lo. Ele não sabia o que fazia, se a afastava ou se abraçava. Mas ao sentir o corpo dela junto do seu seu, seu lado irracional e apaixonado ganhou a discurssão e ele envolveu seus braços em torno dela. Sakura estava realmente casanda, e quando sentiu Kakashi lhe fazer um cafuné em seu cabelo, se rendeu de vez a um sono pesado.


No dia seguinte, os dois mal se olharam. Arrumaram tudo e partiram para suna. em a chuva para atrapalhar, chegram rapidamente em sue destino. Mas ficaram, terrivelmente furiosos, quando descobriram que no pergaminho contia somente um aviso, dizendo que Tsunade iria visitar suna dentro de dois dias, e que preparassem tudo para sua chegada. Kakashi e Sakura, xingavam a hokage de tudo que foi palavrão que eles sabiam.


Se reabasteceram de suprimentos e rumaram de volta para casa. Mas diferente da vinda, stava muito calor. Sakura já estava vendo a hora de suas roupas ficarem encharcadas de tanto suor.


–Vamos parar para um banho, Kakashi_Sakura pediu parando de correr e tomando fôlego_Não aguento mais correr nesse calor_Ela disse e Kakashi concordou apenas.


Acharam um lago com um grande rochedo no meio que dividia o lago. ´´Perfeito``, pensou Kakashi. Assim não teria que ver ou correr o risco de ver Sakura se banhando. Isso seria demais.


Sakura ficou ao lado esquerdo e Kakashi do lado direito. A água estava gelada e perfeita para amenizar o calor. Sakura terminou seu banho e saiu de dentro d`água e foi para onde estavamm sua roupas. Do nada um vento forte venho em sua direção levando sua calciha pelo ar, ela nem pensou duas vezes e correu atrás.


–Droga!_Ela esbravejou quando se chocou em algo a derrubando.


Quando olhou para cima, viu Kakashi parado em sua frente somente cm uma cueca box preta e sem a mascara. ´´Ele é relmente ainda mais lindo assim``, ela pensou. Kakashi olhou de baixo para cima o corpo de Sakura que estava em volto por uma toalha branca e curta. Ele respirou fundo e estendeu a mão para que ela que a segurou e levantou do chão segurando sua toalha para que não caísse.


–Desculpe-me_Sakura disse vermelha e virou sobre os calcanhares para voltar até onde estava suas roupas.


Mas foi impedida por Kakashi que a segurou firme pelo braço e a puxou de encontro ao seu corpo. ele respirou fundo e aspirou todo o cheiro que vinha dela. Ele a olhou e viu que ela estava com os olhos arregalados pela surpresa de seu ato. Ele não se intimidou e colocou a cabeça no vão do pescoço dela e depositou um beijo demorado no local. Sakura sentiu seu corpo todo se arrepiar com aquele contato e espalmou as mãos no peito largado e definido de Kakashi que subia devagar com a boca pelo pescoço dela, chegando em seu maxilar onde deu uma pequena mordida. Ele não estava racionando direito. Porque se estivese, ele não a teria beijado como queria ter feito há muito tempo.


Naquele beijo, ele matou toda a sua vontade e desejo de provar dquela boca. Ficou surpresp ao ver que Sakura respondia com fervor. ele ainda incerto, apertou a cintura de sakura e a trouxe para mais perto, fazendo assim, com que ela sentisse a ereção dele roçando em sua barriga e gemeu. Ela com as mãos tremulas, alisou o peito musculoso dele e desceu com sua mão até o cós da box e infiltrou sua mão dentro dela, apertando o membro de Kakashi que mordeu seu lábio inferior em resposta. Sakura começou com os movimentos de sobe e desce devagar, levando seu professor a loucura. Ele ainda devagar, etirou a toalha dela e subiu com suas mãos pelas costelas de Sakura e apertou o seus da mesma pela base logo em seguida. Como ele desejou fazer aquilo e muito mais. Ele partiu o beijo e desceu com sua boca para o pescoço dela, dando chupões que com certeza deixaria marcas. Mas seu destino era outro. Desceu ainda mais e beijou o seio de sakura e o sugou depois. Sakura ao sentir a boca dele em seu seio, apertou o membro dela com força, fazendo Kakashi gemer.


–Se eu continuar..._Kakashi disse ao pé do ouvido de Sakura_Não vou parar. Tenha certeza do que quê_eEle disse e mordiscou o lombo da orelha dela que o encarou arfante.


–Você não sabe o quanto desejei que isso acontecesse entre nós dois. Ee não mim parar, eu é que não pararei_Ela disse recebendo um sorriso de Kakashi.


Kakashi a deitou sobre a toalha de Sakura ficando por cima dela, tendo cuidado de não deixar seu peso todo cair sobre o dela. ele a beijou novamente e depois desceu com sua boca pelo corpo de Sakura que gemia em expectativa o que viria. E quando ele finalmente chegou a sua intimidade, abriu mais as pernas para que ele tivesse livre acesso áquela região que já pulsava esperando por ele. Kakashi olhou para ela e abaixou a cebça lambendo a intimidade de Sakura que gemeu ao sentir a língua dele ali. Ele aos poucos foi intensificando os movimentos ao mesmo tempo em que o gemidos dela aumentavam. Quando ele percebeu que ela gozaria, parou com tudo e recebu um olhar furioso de Sakura que o empurrou o deitando de costas.


–Minha vez_Sakura dise e mordeu o peito de Kakashi sem se preocupar em ser delicada. Ali ficaria uma marca também. Mas Kakashi só conseguia gemer de prazer. Aquilo tudo era ainda melhor do que os sonhos eróticos que teve ou qualquer relação que tivera antes de Sakura.


Entre lambias e mordidas ela chegou até o memebro de Kakashi e o segurou pela base o apertando. Ela não sabia o que fazer, mais tentaria. Ela lambeu a glande do membro para logo em seguida o enfiar todo em sua boca. Não sabia se estava fazendo certo, estava sendo guiada pelos gemidos dele. Kakashi segurou os cabelos de Sakura e guiou a sua cabeça no ritmo que ele queira. Ele estava presta a gozar, Sakura sentiu o membro dele inchar em sua boca e parou com tudo.


–Mas o que..._Kakashi perguntou furioso pela interrupção e a viu sorrir triunfante, e sorriu junto. aquilo era vingaça.


Ele a deitou novamente ficando por cima e se encaixou entre a pernas dela. Ele sorriu para ela e roçou seu membro na entrada já úmida de Sakura. Ele lentamente a penetrou arrancando gemidos dos dois. Mas Kakashi sabia que Sakura era virgem e logo chegou até a barreira. Sakura sentiu uma pontada de dor forte demais, sabia que a primeira vez doia. Mas como boa aluna que era, Sabia que o cérebro humano só precessa uma dor de cada vez e ela queria acabar logo com aquilo para poder se entregar ao ato tão sonhando por ela verdadeiramente. Ela o abraçou com as pernas e puxou o quadril dele, o fazendo a penetrar tudo e fundo de uma vez. Os dois gritaram com isso, e ele ficou parado dentro dela esperando ela se acostumase. Não queria machuca-la, mais do que fosse necessário e estava se controlando para não pussui-la loucamente como era de sua vontade.


–Kakashi, eu quero você_Sakura disse dando uma rebolada quando sua dor diminuiu significativamente.


Kakashi rosnou e começou com seus movimentos. a principio devagar. Mas o desejo consumia os dois, e logo engataram um ritmo descontrolado. Ele segurou o quadril dela a penetrando ainda mais fundo fazendo Sakura sentir leves dores. Mas ela não estava nem aí para isso.


–Eu vou gozar_Sakura anunciou e Kakashi intensificou ainda mas os movimentos estava loudo de desejo.


Sakura agarrou-se a ele quando chegou ao ponto máximo do seu prazer e depois sentiu algo quente dentro dela e deu conta que Kakashi também tinha chegado ao próprio prazer.


Kakashi saiu de dentro de Sakura e rolou para o lado a puxando em seguida para que ela deitasse em seu peito.


–Isso foi melhor do no meus sonhos..._Kakashi confessou e Sakura o olhou confusa_Eu sonho em fzer amor com você ha algum tempo_Ele explicou acariciando o rosto da ´´sua`` rosada.


Sakura sorriu largamente e sentouse no colo de Kakashi que logo se animou com a proximidade de seus sexos. Sakura beijou o peito dele e o olhou carinhosamente.


–Eu também_Ela confessou com o rosto vermelho.


–Eu te amo sakura_Kakashi disse_Vou entender se depois que voltarmos, você não quiser nada comigo. Mas depois de tudo isso. Eu precisava falar_Kakashi disse temeroso com a resposta dela.


–Eu também te amo, Kakashi_ Sakura disse vendo o ´´seu`` homem arregalar os olhos_E quero ficar com você!


–Mas e o Sasuke?_Ele perguntou em duvida. Queria Sakura somente para ele. O ciúme sempre o corrompia quando via os dois juntos, por saber dos sentimentos dela para com o sasuke.


–Aquilo era só amor de infância e nada mais_Sakura respondeu.


–Tem certeza? Não quero que fique em duvida. Se for para ficar comigo, a quero por inteira e não só a metade de você_Kakashi insistiu fazendo sakura bufar. Homens.


–Não foi para ele que mim entreguei de corpo e alma_Sakura disse se remexendo no colo e Kakashi.


–Você agora é minha_Ele disse sério. Não era uma pergunta e sim uma afirmação.


–Só sua_Sakura reforçou o que ele disse e rebeceu um beijo calmo e cheio de amor de Kakashi.


Depois das declarações de amor, se amaram novamente fazendo mais juras de amor.


Aquele dia de amor compartilhado entre os dois, era o primeiro de muitos que viriam. Mas eles sabiam que teriam que enfrentar uma vila inteira e outras também, quando voltassem. Mas agora que sabiam que amavam e eram amados, lutariam até o fim para ficarem juntos.



Próximo Capítulo

Autor(a): BiaRuz

PROMOVA A SUA FANFIC:


Comentários da Fanfic (0)


Comentários do Capítulo:


® Todos os Direitos Reservados - © Copyright 2011 - Política de Privacidade