Fanfics Brasil Fanfics Brasil
Cadastro
- Links Patrocinados -
- Links Patrocinados -
- Links Patrocinados -

Fanfic: El cuento de la Mariposa - Portiñon. | Tema: Portiñon dyc


Capítulo: Maravillosamente distante y etérea.

438 visualizações Denunciar


    Borboleta ou Farfalha en italiano, não a vi nos últimos três meses e devo confessar que me decepcionei um pouco quando soube a que se dedicava, mas a impressão que ela me deixou fazia com eu a procurasse em cada beco e cada esquina até chegar em casa, nunca mais pude esquecer aquele olhar altivo, penetrante, y ausente também.


    Nessa segunda-feira, quando sai do cinema, tinha o sorriso mais idiota na cara, a típica quando vejo um filme que me agrada, quando voltava no ônibus, minha mente inventou mil histórias diferentes, personagem que surgiam de repente em meio a esse turbilhão de criatividade desatada, assim que cheguei a minha parada, corri para o restaurante do velho Júlio, pedi um hambúrguer e um café, me sentei na mesa mais afastada para submergir-me em minha imaginação e escrever no meu caderninho vermelho. 


     Não sei quanto tempo fiquei perdida no meu mundo, escrevendo no meu caderninho quando uma voz vindo do balcão me chamou atenção, era uma voz terrivelmente conhecida, que prontamente me trouxe de volta a realidade, virei meu rosto em direção ao som da voz, que discutia com o dono do estabelecimento. 


-É um real e cinquenta.


- Um real e cinquenta por um miserável café? Isso é roubo.


- Ou paga, ou não toma.


- Tenho cinquenta centavos, pode me dar meia taça?


     O velho Júlio a olhou com receio, quando finalmente a serviu uma taça do café, ela, que parecia bastante cansada, agradeceu... diferente da outra vez, estava vestindo uns jeans velhos e um suéter velho, mas sempre com maquiagem excessiva nos olhos e as unhas de um tom rosa horrível, que eu já tinha decidido perdoar.


         De forma automática, se transformou ante meus olhos, de normal e cotidiana a maravilhosamente distante e etérea, como se si perderá em alguma profundidade que certamente eu desconhecia. A olhando de longe, fui repassando lentamente cada detalhe seu, tratando de encontrar exatamente o que me atraia nela, obviamente não tive resposta.


         De repente, se levantou e se aproximou do velho Júlio, a quem pediu educadamente outro café. O homem negou com a cabeça, e ela começou a ficar alterada, nesse momento decidi intervir e me aproximei deles, peguei uns trocados e dei para o velho que já estava pu/to da cara.


- Pode dar o café pra ela -a olhei- Quer algo mais? Algo para comer?


          Me olhou por um momento, com certa surpresa, olhou novamente para o Júlio e sem perder tempo, respondeu:


- Torrada com manteiga, e também biscoitos com manteiga.


    O velho me olhou, buscando minha aprovação e eu confirmei. Voltei a olhar pra ela e a convidei a se sentar comigo, que aceitou sem problemas. Pude comprovar outra vez, que sua presença me deixava extremamente nervosa e aumentava minha adrenalina de forma irremediável.


-Obrigada, é que eu tive um resfriado do ca/ralho, com febre e calafrios e por isso não pude trabalhar, e pra ajudar, meu companheiro de apartamento não aparece há vários dias e eu não tenho um real no bolso, mas assim que eu comer te pago, é só me dizer o que quer -me sorriu - te faço um preço especial.


- Obrigada, mas não é necessário.


- Tudo bem, sendo assim eu não me faço de rogada, a verdade é que eu estou morta de fome.


        Efetivamente, ficou mais que claro que ela morria de fome, pois comeu tudo em menos de 5 minutos. Para muitos, ver-la comer poderia ser desagradável, mas para mim foi um espetáculo cativador...depois de um inicio acidentado de conversa,  ja que eu fiquei igual uma idiota a olhando comer, por fim podemos engatar uma boa conversa, graças a sua total falta de timidez para dizer e fazer as coisas.


 - Tu trabalha no premier?


- Sim.


- Fazendo o quê?


-Coloco os filmes.


- hahaha, hahaha.


- Ta rindo do que?


- Não, é que quando te vi no banheiro, pensei que tu era uma dessas mulheres que estavam ali apenas por estarem necessitadas de sexo urgente -rio-.


        A verdade é que poucas coisas me deixam envergonhada, mas ela ter colocado em evidência minhas debilidades sexuais me desconcertou a tal ponto que fez com que eu começasse a brincar com meu lápis para não ter que olhar-la.


- O que você escreve aí?


- Nada,só umas babaquices que eu penso de vez em quando...


- Pelo que eu vejo você pensa babaquices o tempo todo então -rio- por que tu tem esse caderninho cheio -sorri enquanto ela bebia outro gole de seu café-.


- Por que Farfalha?


-Por que soa mais elegante que dizer: Ai vem a borboleta, até por que, eu não vôo -sorriu pra mim-.


- Não? -Perguntei irônica e divertida-.


-Você viu por acaso?


- Não.


-Eu trabalho, o que é bem diferente.


- Trabalha...-sussurrei-.


-Você vive por aqui?


- Sim, aqui em cima do restaurante.


     Nisso vi que tirava do bolso um chiclete e sem pensar eu tomei dela e em tom de suplica eu disse:


-Não come, por favor.


-Por que?


- Por que você é linda assim e principalmente quando coloca essa mecha de cabelo atrás da orelha, é tão...tão sublime -suspirei-, e o chiclete tira o encanto.


      Ficou me olhando bastante deslocada.


- Cara/lho! É cada bicho estranho que eu encontro...você fumou? Por que se fumou, eu também quero.


- Não, não fumei nada - disse olhando pra ela com a mesma cara de babaca de sempre- Quer ir até o meu apartamento?


-Você quer fazer coisas estranhas comigo? Por que se você quer eu não...


-hahahahahahahahha 


-Não da risada, eu to falando sério, eu não faço coisas estranhas, ja te aviso.


-E o que seriam coisas estranhas pra você?


- Bom, eu sei que os caras que eu saio sempre querem a mesma coisa, a única coisa que muda é que uns querem que eu seja uma ca/dela na cama, e outros, uma jovem inocente com o rabo virgem, já sabe... E quando alguém vem me pedindo que não coma chicletes por que acabo com o encanto, ca/ralho, como você não quer que eu pense que tu é louca!!!!


- Ta, ta, ok, mas eu não sou um desses caras...


     Ficou me olhando em silêncio, como se tentasse ler meus pensamentos e eu pude notar como baixava a guarda. Se levantou e disse:


- Bom... se você virar um bicho raro eu vou embora!


    A peguei pela mão e seguimos para o meu apartamento.


 


********************************************


 


Primeiramente: bem-vindas as novas leitoras.


Segundo:que bom que vocês estão gostando da web, ela ainda esta apenas se desenvolvendo.


Terceiro: vou tentar postar todos os dias, nem que seja um cap. Já que ando sem tempo.


Quarto: Hoje eu tinha preparado dois capítulos já que vocês mereciam a continuidade desse que acabo de postar, mas deixarei para amanhã graças a dona CLARICENEVANA que quis arrasar com a minha vida na web dela e eu sou bicha vingativa.


Quinto: Beijos de luz.


 


 


 


 


 


Compartilhe este capítulo:

Autor(a): mariposa

Este autor(a) escreve mais 2 Fanfics, você gostaria de conhecê-las?

+ Fanfics do autor(a)
Prévia do próximo capítulo

    Ao entrar no meu apartamento, ela foi direto até as almofadas, sentou e tirou os sapatos, enquanto eu buscava algo para tomar, por milagre encontrei uma cerveja, peguei o único copo que tinha e me sentei ao seu lado. Ela com curiosidade, olhava todas as minhas cópias (piratas obviamente) dos filmes que já fazem 3 anos, estou colecion ...


  |  

Comentários do Capítulo:

Comentários da Fanfic 32



Para comentar, você deve estar logado no site.

  • Nix Postado em 16/03/2017 - 00:11:25

    Que bom que volto

  • siempreportinon Postado em 05/01/2017 - 18:31:19

    Eeeee aleluia!!! To esperando kkk

  • les2015 Postado em 02/08/2016 - 00:24:20

    gente mas cadeeeeeeeeeee

  • claricenevanna Postado em 10/07/2016 - 16:59:35

    Sinto cheiro de merda pra acontecer. Relacionamento sem cobrança? Pelo jeito sa Dulce ficará enlouquecida quando ver a Anahí com os clientes. Isso não acabará bem, o caminho será a autodestruição, prevejo muitas brigas. E não por ser pessimista ou por amar um barraco. Mas porque acho que esse relacionamento torto (Anahi não conhece vida de mão dupla, pelo jeito) vai dá uma grande confusão.

  • luh_perronita Postado em 06/07/2016 - 15:01:16

    Espero que ela nao comece a sumi por muito tempo

  • les2015 Postado em 06/07/2016 - 11:34:22

    uma das melhores coisas que já li na vidaaaaaaaaa

  • claricenevanna Postado em 06/07/2016 - 08:57:29

    Que estado deplorável de Anahí. Nem tenho comentário sobre isso porque a minha mente deu uma travada depois que li que ela estava deitada na mesa do restaurante. Deveria está muito drogada, e sabe-se lá o que estava fazendo nesse meio período. Eu tenho pena, muita pena mesmo. E sobre a Dulce, pode até tentar... mas com essa obsessão que ela tem por Anahí, muito me admira que ela tenha a ilusão que não viver sem. AHUAHUAHUAHUAHU

  • Julia Klaus Postado em 04/07/2016 - 17:06:27

    Gesuis do céu...q confusão destas duas... =/

  • Ana Silva Postado em 04/07/2016 - 17:03:50

    Oiii!!! Cheguei! Já vou começar a ler <3

  • ThamyPortinon Postado em 04/07/2016 - 01:24:53

    VIADA TU NÃO ME ARRASA NÃO. Velho. Estou frustradíssima, me perguntando que merda foi essa que acabou de acontecer. Isso ultrapassa as regras da bipolaridade. Estou entre amar muito e odiar muito essa fic ao mesmo tempo. Sobre Anahi até achei que ela estava de boa que iria rolar um romancinho bem amorzinho, aí acontece isso. Mas acho que é uma maneira de auto proteção. Melhor afastar do que sentir, só que isso fode mais com a cabecinha de Dulce e não é esse tipo de foda que eu curto. AHUAHUAHU. Como assim 1 cap? Só 1? Mana, assim tu enfraquece a amizade. Tava até pensando em postar 3 cap na minha, Mass diante disso... percebo que la vida no es esto.



AVISO

Ajude o Fanfics Brasil a se manter no ar. http://pag.ae/7UPKhhi9u

Doar PagSeguro

 


Últimas postagens do Blog


  • 8 dicas para se tornar um escritor de sucesso
    Fanfic é bom para passar o tempo, se desligar um pouco, ou - se você é um escritor especialmente auspicioso - ganhará uma tonelada de dinheiro. É que supostamente ganhou cerca de US$ 80 milhões, graças a 50 Tons de Cinza. Então, o que é...
  • Feliz dia do leitor
    Parabéns a todos os leitores(as) de fanfics pelo dia do leitor e principalmente aos criadores de conteúdo que proporcionam uma boa leitura. Você Conhece a Origem do Dia do Leitor? O Dia do Leitor foi criado em homenagem à fundação do jornal cearense O POVO...