Fanfics Brasil Fanfics Brasil
Cadastro
- Links Patrocinados -
- Links Patrocinados -
- Links Patrocinados -

Fanfic: Doce Coisinha - Trendy, Vondy | Tema: Triangulo Amoroso


Capítulo: Capítulo 16

101 visualizações Denunciar


Quando Christopher disse que o escritório era novo e pequeno, imaginei algo muito diferente do prédio de vinte andares feito de vidro em que estávamos entrando. Uckermann Industries estava escrito na porta da frente e a placa na frente. Houve um porteiro e uma recepção onde você check-in ao entrar.


Uma morena jovem e atraente, cujos olhos se fixaram em Christopher no momento em que entramos, sorriu brilhantemente. “Boa tarde, Sr. Uckermann.”


Ele parou na mesa dela. “Brandy Jo, eu gostaria que você conhecesse Dulce María. Ela vai vir por algumas horas todos os dias para fazer algum trabalho para mim.”


Brandy Jo me deu um sorriso apertado. "Prazer em conhecê-lo."


"É bom conhecer você também", eu respondi com um sorriso sincero, esperando que eu pudesse derreter sua frieza.


Seu olhar voltou para Christopher. E seu sorriso brilhante retornou. "Posso pegar café para você?"


"Isso seria maravilhoso, Brandy Jo. Obrigado. Eu estarei no meu escritório. Mande alguém com ele em cerca de vinte minutos.”


Brandy Jo corou. Eu não pude deixar de me perguntar o que mais Brandy Jo fez por Christopher. Ele não parecia muito chateado por Jed ter um caso com sua secretária. Talvez todos os funcionários da Uckermann estivessem no local de trabalho.


Franzindo a testa para os meus pensamentos, eu percebi que não era justo assumir isso. Além disso, Christopher não era casado e podia dormir com quem ele quisesse.


Quando as portas do elevador se fecharam atrás de nós, Christopher se virou para mim. “Eu dormi com ela na semana passada. Era tarde, e nós tínhamos trabalhado o dia todo, nós tínhamos um pouco de vinho. Ela ficou nua e subiu na minha mesa com as pernas abertas. Foi uma coisa única.”


"Oh", eu disse me perguntando se eu tinha dito meus pensamentos em voz alta.


Ele me deu um sorriso torto. "Você é expressiva Dulce. Eu pude ver onde sua cabeça estava. Eu pensei em esclarecer para você.”


Porque minha boca tinha uma mente própria, eu deixei escapar: "Seus funcionários muitas vezes ficam nus e ficam em sua mesa?"


Ele riu alto. "Não. Mas eu só tive funcionários por duas semanas. Eu te informarei daqui a alguns meses.”


Eu balancei a cabeça como se isso fosse uma resposta razoável. Ele riu mais então. "Deus, você é divertida."


As portas se abriram no vigésimo andar. O chão de Christopher era chique e impressionante. Havia uma grande área com sofás, mesas e revistas. Um candelabro pendia do teto. Havia duas grandes portas de madeira à nossa frente que pareciam manter o resto do chão do prédio atrás delas. Christopher tirou um cartão do bolso e tocou na caixa de metal na porta. Uma luz ficou verde e a porta se abriu.


"Eu vou te dar uma chave antes de sair", disse ele, segurando-a.


Entramos em uma sala enorme. Prateleiras forravam as paredes à direita e à esquerda enquanto caminhávamos. Eles estavam cheios de livros. Então chegamos a um bar - um bar bem abastecido que ficava à esquerda, e à direita havia uma porta que ficava aberta e eu podia ver um elaborado banheiro lá dentro. Ele fez sinal para mim em frente. "Vá em frente. Vou mostrar-lhe o meu escritório, então podemos caminhar até a área de depósito."


Nós caminhamos pela porta ao lado. Seu escritório estava cheio de grandes móveis masculinos e cheirava a carvalho e charutos. Toda a parede dos fundos era de janelas com vista para o centro financeiro de Savannah. Não parecia o estilo de Christopher.


Meu olhar caiu em sua mesa e eu não pude deixar de ver Brandy Jo e ele indo para lá com a visão noturna da cidade atrás deles.


“Como você pode ver, é uma grande mesa. Muito espaço para uma foda selvagem,” ele disse atrás de mim, e eu pulei, tirando meu olhar da mesa enquanto minhas bochechas aqueciam. Christopher estava tentando obter uma reação de mim e funcionou porque eu fui pego pensando em suas palavras obscenas.


“Eu, uh...” Eu não tinha nada a dizer sobre isso.


“Relaxe, Dulce. Foi apenas sexo. Não precisa ficar nervosa. Agora, esse monte de merda que você vê na minha mesa é apenas o e-mail e o disparate de ontem que precisam ser abertos e organizados. O resto é através dessa porta no fundo do meu escritório. Eu tenho quinze armários e cerca de dez pilhas de uma bagunça completa que precisa de atenção. Quando lhe ofereci um salário tão alto por hora, foi porque isso é uma dor de cabeça. Você não vai gostar disso.”


Eu gostei de organizar. Eu poderia fazer o depósito sozinho e focar em nada além do trabalho. "Eu posso começar agora, se você quiser", eu disse a ele.


Ele foi até sua mesa e pegou a pilha de papéis, e com um olhar aliviado em seu rosto, ele os trouxe para mim. "Parece bom para mim. Vamos até a sala de arquivamento e, se tiver alguma dúvida, tente descobrir. Se você não pode, então pergunte. Mas honestamente, eu só preciso disso organizado. Você faz o que acha que vai funcionar melhor.”


Nós andamos por uma entrada estreita em uma sala quadrada forrada com armários de arquivamento. Não havia janelas e era como uma enorme caminhada no armário. No centro da sala havia uma pilha maior de papéis do que eu imaginara. Ele não estava brincando sobre a bagunça.


"Veja, não vai ser fácil", disse ele, enquanto eu olhava para o trabalho na minha frente.


"Eu vou começar a trabalhar nisso agora."


"Está bem então. Quando terminar o dia, posso ligar para um serviço de carro para te levar para casa.”


"Obrigada."


Ele começou a sair, mas fez uma pausa. "Eu posso pagar antecipadamente este mês se você precisar."


A preocupação em seus olhos era boa. Ele se importava.


"Eu não devo nada por mais duas semanas", respondi.


"Vou garantir que você pague seu primeiro mês até lá."


"Isso seria bom. Obrigada."


Ele não disse mais nada antes de se virar e sair.


Fiquei olhando para a bagunça mais insana no chão e sorri. Isso levaria tempo. Eu tinha muito o que fazer e isso realmente ajudaria Christopher. Não foi uma mão porque ele sentiu pena de mim. Foi um trabalho. Um que ele precisava organizado desesperadamente. Esse fato me fez sentir muito melhor sobre essa situação.


Nas duas horas seguintes, me perdi na minha tarefa. Quando olhei para o relógio, percebi que precisava voltar para a casa para fazer algumas coisas antes de ir para o meu trabalho noturno no clube. Eu gostava de estar escondida nesta sala sozinha com os arquivos. Eu estava com medo de trabalhar no clube hoje à noite. Mas se eu quisesse ir para a escola de enfermagem, precisava começar a economizar dinheiro.


De pé em frente à mesa, examinei a pilha de papéis com um sorriso de satisfação. Eu coloquei meus sapatos de volta e saí para o escritório de Christopher. Ele estava de pé com as mãos enfiadas nos bolsos, falando no viva voz. Eu parei, esperando que ele me visse. A ligação soou como um negócio com alguém em seu escritório em Chicago a partir do breve trecho de conversa que ouvi.


Ele se virou antes que eu ouvisse muito e me deu um leve aceno de cabeça.


“Eu tenho um compromisso, John. Conversamos depois. Basta ir em frente e usar Samantha para essa área,” ele disse, então se aproximou e terminou a ligação.


"Você está pronto para sair?"


"Sim por favor. Eu preciso terminar em casa antes de sair para o trabalho hoje à noite.”


Christopher franziu a testa. "Este vai ser um longo dia para você."


"Ou produtivo", respondi.


Ele sorriu então. "Isso está dando uma guinada positiva nas coisas."


A porta de seu escritório se abriu, chamando nossa atenção.Alfonso não estava vestida como se ele pertencesse aqui. Suas roupas não eram surpreendentes, porque a combinação de jeans e camiseta era tudo que eu já vi.


Os olhos de Alfonso foram de Christopher para mim, depois de volta para Christopher. "Você está pronto para o almoço?"


Já eram quase três horas.


"Eu esqueci. Preciso levar Dulce para casa primeiro. Vamos levá-la em nosso caminho.”


"Por que ela está aqui?" Alfonso perguntou, parecendo mais irritado do que qualquer coisa.


"Ela está organizando essa merda lá atrás para mim", disse Christopher. "Pare de agir como um idiota."


Alfonso não parecia do meu jeito novamente. "Então vamos. Estou faminto."


"Como sempre, um encantador." Christopher estava claramente divertido com a carranca de seu amigo.


Eu me perguntei se Christopher era o único amigo que ele tinha e era por isso que ele estava sempre por perto. Com uma personalidade como essa, eu não imaginava que alguém pudesse gostar muito dele.


"Quantos empregos ela precisa?" Alfonso perguntou finalmente, sacudindo o olhar do meu jeito, mas apenas por um momento.


"Não é da sua conta," Christopher disse a ele e piscou para mim.


"Não, mas é o seu maldito negócio, então eu espero que você esteja pensando claramente." A maneira como ele disse isso fez parecer que eu estava de alguma forma usando Christopher. Foi um insulto.


"Eu posso lidar com algumas coisas por conta própria, Alfonso." Desta vez ele não parecia tão divertido.


Eu me perguntei sobre a escolha de palavras dele. Algumas coisas foi uma maneira estranha de explicar nossa situação. O que era que ele não conseguia lidar sozinho?


"Claro, vamos indo para que eu possa comer."


Eu queria salientar que ele não fazia nada o dia todo e podia comer quando quisesse, mas eu mantinha minha boca fechada.


Christopher começou a falar sobre uma festa que ele queria ter no próximo fim de semana para o aniversário de Tate. Pelo menos isso os mantinha ocupados e a conversa deles fora de mim até eu ser dispensada em casa.


Eu me certificaria de que não estava programado para trabalhar na noite de sábado no clube. Eu tinha uma festa para servir parece.


Compartilhe este capítulo:

Autor(a): Dulce Coleções

Este autor(a) escreve mais 45 Fanfics, você gostaria de conhecê-las?

+ Fanfics do autor(a)
- Links Patrocinados -
Prévia do próximo capítulo

A primeira coisa que vi quando entrei no único cômodo dos funcionários do clube era a parte de trás da cabeça ruiva de Shauna quando ela se ajoelhou na frente de Neil, que segurava a parte de trás de sua cabeça enquanto ele gemia de prazer. Eu parei de morrer no meu caminho. Eles não parecem me notar. Os olhos de Neil es ...


  |  

Comentários do Capítulo:

Comentários da Fanfic 93



Para comentar, você deve estar logado no site.

  • Ellafry Postado em 18/08/2019 - 18:08:14

    me amarrota que to passada . cho-ca-da feat morta

    • Ellafry Postado em 23/08/2019 - 21:41:30

      nunca eu ia imaginar isso. '-' aguardando a segunda temp

    • Dulce Coleções Postado em 23/08/2019 - 02:28:48

      Ngm pensou nisso né kkkkk

  • candyle Postado em 18/08/2019 - 13:32:08

    To chocada e triste ao mesmo tempo '-' Continuaaa

    • Dulce Coleções Postado em 23/08/2019 - 02:24:53

      Ngm pensou nisso né kkkkk

  • Ellafry Postado em 15/08/2019 - 13:58:25

    ñ para agora naoo

    • Dulce Coleções Postado em 18/08/2019 - 00:57:19

      Continuando kkkk

  • Ellafry Postado em 13/08/2019 - 21:12:48

    maaaaaaisss

    • Dulce Coleções Postado em 15/08/2019 - 01:43:01

      Continuando

  • Ellafry Postado em 10/08/2019 - 23:39:52

    Postaaa maaaais!!!

    • Dulce Coleções Postado em 12/08/2019 - 13:23:50

      Continuando

  • Ellafry Postado em 06/08/2019 - 23:41:07

    conttttt

    • Dulce Coleções Postado em 09/08/2019 - 19:37:11

      Continuando

  • candyle Postado em 04/08/2019 - 11:05:46

    Eles são muitos fofos juntos *-* Continuaa

    • Dulce Coleções Postado em 06/08/2019 - 21:48:11

      Continuando

  • Ellafry Postado em 01/08/2019 - 00:11:02

    que rapidos ;x

    • Dulce Coleções Postado em 03/08/2019 - 23:42:31

      Não foram kkkkk

  • Ellafry Postado em 30/07/2019 - 22:19:50

    medo de quando ele abrir os olhos ;x

    • Dulce Coleções Postado em 31/07/2019 - 15:59:21

      kkkkk

  • vondyfforever Postado em 28/07/2019 - 22:56:25

    É o amooooor!! Postaaaa

    • Dulce Coleções Postado em 31/07/2019 - 15:58:34

      Continuando*-*



AVISO

Ajude o Fanfics Brasil a se manter no ar. http://pag.ae/7UPKhhi9u

Doar PagSeguro

Não conseguimos todo o dinheiro necessário para pagar o DataCenter.


Últimas postagens do Blog


  • 8 dicas para se tornar um escritor de sucesso
    Fanfic é bom para passar o tempo, se desligar um pouco, ou - se você é um escritor especialmente auspicioso - ganhará uma tonelada de dinheiro. É que supostamente ganhou cerca de US$ 80 milhões, graças a 50 Tons de Cinza. Então, o que é...
  • Feliz dia do leitor
    Parabéns a todos os leitores(as) de fanfics pelo dia do leitor e principalmente aos criadores de conteúdo que proporcionam uma boa leitura. Você Conhece a Origem do Dia do Leitor? O Dia do Leitor foi criado em homenagem à fundação do jornal cearense O POVO...