Fanfics Brasil Fanfics Brasil
Cadastro
- Links Patrocinados -
- Links Patrocinados -
- Links Patrocinados -

Fanfic: As Boas-vindas em Casa Para o Major *AyA*Ponny* | Tema: Ponny, AyA


Capítulo: Cap 8

123 visualizações Denunciar


— Ela não tinha ideia, não é, querido? — ela olhou para ele sob as pálpebras pesadas. — Você vai fazer alguma mulher muito feliz com isso.


Sua língua rosa patinou sobre a ponta, e seus quadris se sacudiram violentamente na cama.


— Querida, por favor... Eu estou doendo. Eu estou doendo todo.


Jesus, ele nunca tinha chamado alguém de querida antes em sua vida, e quem diabos se importava?


Ele estendeu a mão e enrolou o punho em seu cabelo, porque ele não podia deixar de usá-la como âncora.


— Isso está bem?


— Se segure firme. — ela firmou antes de chupar metade de sua ereção na boca.


Alfonso gritou os piores palavrões para o teto. Jurou que sua vida estava chegando ao fim.


Cada grama de sensações em seu corpo correu para o seu pau já sensível, o fazendo inchar dentro do calor doce da boca dela.


Essa boca, essa boca que foi desenhada para pecar, cantarolava em torno dele enquanto ela trabalhava, as vibrações batendo em suas bolas como relâmpagos. Saboreando os ruídos que polarizavam e acordavam a besta dentro dele ao mesmo tempo.


Sua sobrevivência estava no controle de Anahí, e ele deu isso a ela sem um momento de hesitação, confiando que ela ia acabar com o seu tormento.


Naquele momento, ela era tudo.


Seu pecado, sua salvação, sua cuidadora. Tudo.


— A sua boca... Deus, a sua boca... Você... Só você, Anahí. Eu preciso tanto de você.


Cada pensamento escorregou da sua mente quando ela o levou no fundo da garganta.


Ela o levava para fora com vários movimentos rápidos enquanto chupava de volta a ponta, e a consciência dele vacilou.


Nada jamais tinha sido tão inacreditável. Nada.


Isso não parecia real, era a coisa mais tangível que ele já tinha experimentado.


Ele não queria parar nunca.


Nunca.


— Continue fazendo isso. Chupe, me chupe duro. Do jeito que eu vim sonhando. — seus punhos se apertaram nos cabelos dela. — Por favor, Anahí, por favor... De novo, de novo... Eu vou...


Alfonso explodiu com um rugido quando o prazer cego atravessou seu corpo. Ele perdeu o controle, os quadris bombeando para cima, tentando aproveitar até o último momento a perfeição da boca de Anahí.


Suas unhas cravaram em suas coxas e ela gemeu em torno dele, levando tudo que ele tinha e muito mais.


O mais que ele não sabia que existia até agora.


A dor em seu estômago desapareceu em uma memória distante, os músculos praticamente se liquefazendo sobre o colchão.


Era impossível se concentrar no alívio impressionante, então ele pegou Anahí do chão, a puxou para o seu colo e a segurou, inalando seu cheio de incenso com respirações gananciosas, sabendo que ele iria associá-lo com prazer pelo resto da sua vida, e estava feliz com isso.


Mas o alívio arrebatador desapareceu quando ele se tornou ciente de seus movimentos.


Ela se mexeu em seu colo, as mãos abrindo e fechando no material de sua camisa.


— Agora você, Anahí. — ele rosnou, inclinando o rosto corado para cima. — Me mostre como fazer isso para você.


Seu assentimento foi seco, se recusando a olhar para os olhos dele.


— Quando nós acordamos, ok?


Dormir?


Ele não conseguia dormir sabendo que ela estava experimentando o mesmo desconforto pelo qual ele tinha sido atormentado agora pouco.


Sem chance.


— Não. Eu preciso te fazer sentir melhor.


Esperando que não estivesse indo longe demais, Alfonso empurrou suas coxas abertas, estremecendo com o gemido dela.


— Oh, Deus, por favor... Me deixe cuidar disso. Minhas mãos, minha boca...


— Não... — ela falou, suavizando a recusa esfregando círculos em seu peito. — Eu não estou pronta ainda, ok?


Ela parecia pronta para ele, além de pronta, mas ele preferia perder um braço a forçar uma mulher na direção de algo que ela não queria.


Mesmo que a ideia de deixá-la ir querendo a sua libertação fosse como ter os dois braços serrados ao mesmo tempo.


Droga, ele devia saber o que fazer aqui. Como fazer ela se sentir melhor.


Foi duro de engolir.


— Quando a gente acordar?


— Sim. — ela sussurrou.


Ele se reclinou para trás sobre o colchão, puxando o corpo dela com o seu.


Ele jurou que não havia nenhuma maneira no inferno que ele fosse cair no sono, mas, então, ele nunca teve Anahí enrolada embaixo do seu braço.


Nunca teve seu rosto esfregando em seu ombro.


Nunca sentiu seus pequenos pés entrelaçados com as suas pernas.


“Casa. Estou finalmente em casa.”


Esse foi seu último pensamento consciente antes de adormecer.


 


 


Compartilhe este capítulo:

Autor(a): Mila Puente Herrera ®

Este autor(a) escreve mais 100 Fanfics, você gostaria de conhecê-las?

+ Fanfics do autor(a)
Prévia do próximo capítulo

Capítulo Três Anahí olhou através da viseira do seu capacete para os dois pedaços de metal cortados que ela estava soldando juntos, mas se encontrou perdida nas faíscas azuis. Ela largou o maçarico e caiu no seu banco da oficina. Do outro lado da sala, ela podia sentir sua amiga Camila a observando daquele jeito silencioso q ...


  |  

Comentários do Capítulo:

Comentários da Fanfic 61



Para comentar, você deve estar logado no site.

  • ponnyforever10 Postado em 05/07/2019 - 19:38:27

    Ameiiiii esse Poncho um bolinho <3333333

  • anniemorinunes Postado em 04/07/2019 - 22:23:37

    Como assim acabou??? Essa web foi linda ... adorei ... esrou viciada em todas as sias webs ...

    • Mila Puente Herrera ® Postado em 04/07/2019 - 23:10:13

      Poisé, chegamos ao fim :( AI FICO SUPER FELIZ EM LER ISSO *---*

  • ponnyforever10 Postado em 03/07/2019 - 19:20:17

    *O que poderia se comparar a isso? Esse sentimento de felicidade satisfeita* Uau isso vindo da Anahi nem acredito kkk *---*

    • Mila Puente Herrera ® Postado em 03/07/2019 - 22:08:37

      Efeito Herrera :3

  • ponnyforever10 Postado em 02/07/2019 - 20:05:59

    Puro fuegoo!!!

    • Mila Puente Herrera ® Postado em 02/07/2019 - 22:45:17

      Já disse que são fogo e gasolina :3

  • anniemorinunes Postado em 28/06/2019 - 23:57:12

    Maaaaaaaaaaais

    • Mila Puente Herrera ® Postado em 01/07/2019 - 22:09:05

      Olha aí mais :3

  • ponnyforever10 Postado em 28/06/2019 - 22:19:42

    Que lindo essa conversa deles, tão importante!! Coitada da Anahi :/

    • Mila Puente Herrera ® Postado em 01/07/2019 - 22:09:50

      Poncho é perfeito *--* A bichinha... :/

  • tinkerany Postado em 28/06/2019 - 05:52:34

    Continua 0_0

    • Mila Puente Herrera ® Postado em 28/06/2019 - 22:08:44

      Apareceeeeeu *--* Continuando :3

  • ponnyforever10 Postado em 27/06/2019 - 22:13:03

    Esses dois puro fuego!!!! Amoooo

    • Mila Puente Herrera ® Postado em 28/06/2019 - 22:08:28

      Fogo e gasolina :3

  • anniemorinunes Postado em 27/06/2019 - 00:42:46

    Ahhhh como pode parar ai?? Hahhaha

    • Mila Puente Herrera ® Postado em 27/06/2019 - 22:03:25

      Parando... - n KKKKKKKKKK Continuei :3

  • ponnyforever10 Postado em 26/06/2019 - 22:21:48

    Que fofa Anahi se preocupou pq viu a carinha de dor do Poncho <3333 UAAAU QUE PEGADA DENTRO DO BAR AMEII KKK *--*

    • Mila Puente Herrera ® Postado em 27/06/2019 - 22:01:59

      Parece que ela tem um coração né :3 SIMMM HERRERA TEM MUUUITA PEGADA :3



AVISO

Ajude o Fanfics Brasil a se manter no ar. http://pag.ae/7UPKhhi9u

Doar PagSeguro

Não conseguimos todo o dinheiro necessário para pagar o DataCenter.


Últimas postagens do Blog


  • 8 dicas para se tornar um escritor de sucesso
    Fanfic é bom para passar o tempo, se desligar um pouco, ou - se você é um escritor especialmente auspicioso - ganhará uma tonelada de dinheiro. É que supostamente ganhou cerca de US$ 80 milhões, graças a 50 Tons de Cinza. Então, o que é...
  • Feliz dia do leitor
    Parabéns a todos os leitores(as) de fanfics pelo dia do leitor e principalmente aos criadores de conteúdo que proporcionam uma boa leitura. Você Conhece a Origem do Dia do Leitor? O Dia do Leitor foi criado em homenagem à fundação do jornal cearense O POVO...