Fanfics Brasil Fanfics Brasil
Cadastro
- Links Patrocinados -
- Links Patrocinados -
- Links Patrocinados -

Fanfic: Ps.Nunca Me Esqueça | Tema: vondy


Capítulo: 4°∆

143 visualizações Denunciar


Voltei, amores! Vamos ler fanfic? Ksks


palomavondy : agradeço por sua compreensão, mas acho que não conseguiria ficar muito tempo sem postar rsrs 😘


rosasilva :  Aaaah! Claro que volto amore! Pedindo com jeitinho, não tem autora que resista sksksksksk Ucker quer ser papai 😍 e, não sei não, mas não confio muito que a Dulcinha vai realizar o sonho dele..será? Sksksksksk comtinuandooo 😘


minhavidavondy : Ai que ótimo! Então vou continuar né? Kskssksk 😘


viciadaemfanfics : De nada amore! Que bom que está gostando! Espero que continue assim rsrsrs sorry por demorar tanto para responder sksk continuandoo😘😘


Desculpem pela demora, hoje eu não parei quieta sksksksk Mas assim como prometido, aqui estou. Ainda é segunda feira, 23h mas ainda é segunda skskkssksksk


Agora sim, bora ler né kskssk apreciem..


∆ Cortando relações ∆




Pov`s Christopher..


Após passar no supermercado e comprar um pote de sorvete, fui direto para o carro.


Quando entrei e dei partida, comecei a pensar como chegava a ser irônico, e cômico, recordar que antes da morte dos nossos pais, apesar de convivermos os quatro juntos sob o mesmo teto, eu e Mai nos odiavamos, do tipo que fazia de tudo para irritar ao outro. Porém depois que nós os perdemos há três anos atrás, nos tornamos mais unidos que nunca. Mas, era de se esperar, não? Éramos a única familia de cada um, então precisávamos disso.


No começo foi um pouco estranho, mas com o tempo meio que nos tornamos melhores amigos, e agora que também tinhamos Christian, e que futuramente teríamos James, era mais confortável superar.


Não era fácil, e nunca seria, recordar que já não os tínhamos mais, porém não doía como antes. Só doía.


Mas enfim, sobre Maite e Christian, mesmo que eu não fosse o tipo que diz "Eu te amo" ou " Vocês são tudo para mim", era isso que eu sentia em relação a eles. Eram a minha única família.


No caminho para a casa, eu acabei passando pelo lugar onde aconteceu o acidente com a menina desconhecida, e inevitavelmente comessei a lembrar dela.


Minha mente foi invadida por imagens dela deitada sobre a cama de hospital, inconsciente. A culpa era inevitável, e a vontade de ver seus olhos abertos, ouvir sua voz desconhecida, se tornava quase uma necessidade insuportável.


"Como suportar dois dias fora? E se ela acordar?" essas perguntas me rodearam, e eu fiquei um pouco desconfortável. Por que razão eu me importava tanto com aquela garota? (É a culpa) - eu pensei, após um tempo.


— É..deve ser..— digo, ainda observando o trecho até Maite.


Quando eu cruzava a avenida central para chegar ao condomínio, em Polanco, meu celular começou a tocar, e pelo identificador de chamadas vi quem era.


Cleo.


Reviro os olhos assim que leio o nome. Eu não estava com um pingo de vontade de falar com ela.


Ainda estava profundamente magoado com o que ela havia feito, e não era para menos. Eu nunca havia forçado-a a querer ter um filho, mas ter um era simplesmente a minha vontade, uma vez que eu já tinha trinta e um anos, era formado, tinha uma vida profissional muito bem desenvolvida, e já estava mais que na hora de construir minha própria família, porquê por mais que eu não diga isso para alguém, me sentia sozinho, e esse tipo de sentimento não me fazia bem. Tinha a sensação de que faltava alguma coisa. Algo como uma mulher doce e amável, que me esperasse para jantar após um dia de trabalho, que me desse concelhos, que me fizesse sentir que era o mais sortudo dos homens apenas por tê-la, que me deixasse entrar em sua vida e partilhar todos os momentos, sejam felizes ou tristes, que me desse além de prazer carnal, o que eu já estava cansado de sentir, queria experimentar o tal sexo apaixonado e conectivo, aquele que você sente não só o prazer de penetrar uma boceta quente e úmida, mas também o de ser um só com aquela pessoa, de sentir que está no céu apenas por olhar em seus belos olhos e ouvir suas palavras de amor. Era sobre isso. Sobre fazer amor, não sexo. Sobre amar com o corpo e a alma. Sobre sentir que não apenas possuía alguém, mas que também era possuído e totalmente entregue há alguém.


Naquele momento, percebi que Cleo nunca me proporcionou aquele tipo de sentimento. Nossa foda era quente, incrível e satisfatória, mas eu sabia que deveria haver mais, porque sempre que acabava e eu rolava para o outro lado da cama, ela virava e dormia, após um " boa noite meu amor",  sem deitar no peito e ficar agarradinho a noite inteira, sem compartilhar juras de amor eterno, sem beijos incendiários que iniciariam outra transa alucinante, sem carinho. Ela não gostava de grude, apenas quando assistíamos filme. Eu nunca entendi o problema. Ela tinha repulsa pelos nossos corpos suados? Será que eu ficava com cheiro ruim? — pensei.


O celular tocou centenas e centenas de vezes, me roubando os pensamentos e cansado daquele barulho insistente eu acabei parando o carro no acostamento e atendendo.


— Oi Cleo, o que quer? — pergunto, direto.


— Ucker, vamos conversar por favor! Eu já te dei um tempo para você esfriar a cabeça, mas já passou. Fala sério. Isso nem é importante!


— Não é importante?! Cleo, eu não pedi para você vender seu figado ou tirar um rim, eu só quero um relacionamento saudável e um filho! Apenas isso!


— Nós temos uma relação incrível, Christopher! Somos o casal mais aclamado da sociedade advocatícia! Somos incríveis juntos! Temos tudo haver, gostamos das mesmas coisas, exercemos a mesma profissão..— fez uma pausa. — Temos química na cama, nos amamos..


— Amamos? Cleo, você nunca diz que me ama, a não ser quando eu digo, e você responde eu também! Estou cansado dessa relação fria. Eu não aguento mais ser enganado por você, não só sobre o bebê mas também sobre nós! Você sempre me chama para dormir na sua casa, só para transar e depois dizer boa noite, virar as costas e dormir. Eu sou homem o suficiente para encarar os meus problemas, e para lidar com inúmeras situações, mas eu preciso de..de afeto, caramba! — explodi. Ela ficou calada, e eu continuei com o o celular no ouvido, me perguntando qual a razão pela qual não havia desligado.


— Eu te dou tudo que você quer. Eu deixei você me comer por trás, e olha que doeu! — falou, como se tivesse sido o seu maior sacrifício. — Eu até tirei dias para sair com você, depois do almoço! Fomos ao cinema, e depois nós transamos no carro!


— Que se foda! Você acha que isso é tudo em um relacionamento, porra?! A gente trepava muito mas isso não significa muita coisa! Era só sexo para você sempre foi! Mas não para mim! — digo exaltado. Como ela poderia achar que era apenas isso que eu queria dela?!


— E o quê mais você quer de mim, Christopher?! O quê?!


— Olha, quer saber? Nada! Não quero nada de você!— Minha vontade era de mandá-la tomar bem no meio da bunda, mas não diria aquilo. Apesar de tudo, aprendi que nunca deveria ofender uma mulher desta forma. Eu respirei fundo e prossegui.— Quero que você me esqueça, e esqueça tudo que existiu entre nós dois. Acabou. Me deixa em paz e para de me ligar. — desligo. Logo em seguida, bloqueio o seu número.


Agora estava feito.


E eu havia desistido de um relacionamento de quase oito anos.


 


 


 


 


 


Continua..


Compartilhe este capítulo:

Autor(a): big_girl3

Esta é a unica Fanfic escrita por este autor(a).

Prévia do próximo capítulo

Dedicado a Rosa🌹    *PS. Posso te chamar assim?*   rosasilva: Bixa, tu leu meu editor de textos, foi? ksksksksksksk postado! 😘           ∆Um pote de sorvete e uma conversa pela metade∆                 Não demorei muito para chegar na casa de m ...


  |  

Comentários do Capítulo:

Comentários da Fanfic 26



Para comentar, você deve estar logado no site.

  • rosasilva Postado em 14/08/2019 - 09:46:57

    Ok miga

  • bdulce Postado em 13/08/2019 - 18:26:45

    Amando!!! parabéns!

  • viciadaemfanfics Postado em 13/08/2019 - 13:48:59

    Meu Deus, eu não consigo acreditar no quanto a Dulce é trouxa, kkkkk. Continua!!

  • rosasilva Postado em 13/08/2019 - 11:23:46

    Sim nem problema com hot

  • rosasilva Postado em 13/08/2019 - 00:39:42

    Miga sua loc ponha o Pablo na história kkkk pro ucher aprender o que ele vai perder miga ....

  • rosasilva Postado em 13/08/2019 - 00:25:33

    Miga sua loca acho ele idiota sim em trancar com a bruaca sò não espero ela enventa que tá grávida pfff neh nega

  • viciadaemfanfics Postado em 12/08/2019 - 21:42:03

    Dulce é tão trouxa, aposto que vai sofrer muito! Continua!

  • rosasilva Postado em 11/08/2019 - 11:06:02

    Posta mais mais ele é um idiota esse ucher

  • viciadaemfanfics Postado em 06/08/2019 - 22:47:28

    Tinha achado tão bonitinha a iniciativa do Christopher em chamar Dulce para sair, agora que sei o motivo acho ele babaca. Tadinha da Dulce, tão entregue a ele e ele usando ela para fazer ciúmes na ex. Continua!!!

  • rosasilva Postado em 06/08/2019 - 09:42:59

    Aí que ódio do ucher fazer ciúmes para aquela azinha por favor só não me fala que essa altura a quela vaca engravidar do Cris isso não pff..... Quero que a Dulce faç o Ucherzinho sofrer se tornando umulherao e a pareça outro para ele sentir ciúmes dela



AVISO

Ajude o Fanfics Brasil a se manter no ar. http://pag.ae/7UPKhhi9u

Doar PagSeguro

Não conseguimos todo o dinheiro necessário para pagar o DataCenter.


Últimas postagens do Blog


  • 8 dicas para se tornar um escritor de sucesso
    Fanfic é bom para passar o tempo, se desligar um pouco, ou - se você é um escritor especialmente auspicioso - ganhará uma tonelada de dinheiro. É que supostamente ganhou cerca de US$ 80 milhões, graças a 50 Tons de Cinza. Então, o que é...
  • Feliz dia do leitor
    Parabéns a todos os leitores(as) de fanfics pelo dia do leitor e principalmente aos criadores de conteúdo que proporcionam uma boa leitura. Você Conhece a Origem do Dia do Leitor? O Dia do Leitor foi criado em homenagem à fundação do jornal cearense O POVO...