Fanfics Brasil Fanfics Brasil
Cadastro
- Links Patrocinados -
- Links Patrocinados -
- Links Patrocinados -

Fanfic: Até O Fim - Vondy (Adaptada-Finalizada) | Tema: Vondy, HOT


Capítulo: Capítulo 19

451 visualizações Denunciar


Christopher


"Onde eles estão? Será que ela feriu meu bebê?", Uma mulher perguntou em voz estridente, como se fosse entrar em pânico. "Ela sempre o machuca. Eu não posso controlá-la", ela continuou.


"De jeito nenhum", Krit rosnou enquanto ele espreitava e para a porta. Ele olhou furioso. Voltei a olhar para Dulce. Eu não sei se eu deveria ir atrás dele.


"É ela. Nossa mãe", disse ela em voz baixa.


"Não o meu bebê! Você está bem? Será que ela te machucou novamente? Será que te examinaram?!"


Esta mulher estava falando sério?


"Isso é o suficiente, mãe. Dulce está uma merda lá dentro. Ninguém acredita na sua farsa. Ela é muito malditamente boa para machucar alguém. Mesmo você", Krit rugiu sobre a voz de sua mãe.


"Querido, está tudo bem. Você não tem que protegê-la", sua mãe começou a dizer.


"Mulher, você está louca?" Krit gritou.


"Oh Deus. Por favor, impeça ele", Dulce implorou. "Por Favor. Se ele dizer a eles, vamos ser separados. Ele não entende que lares adotivos podem ser piores."


Olhei para o rosto dela, ainda bonito embora espancado e inchado. Percebi que ela estava certa. Finalmente onde ela estava, ela sabia o que esperar e Krit estava lá com ela. O garoto era maior do que ela e a amava. Ele também podia entrar em contato comigo, se eles precisassem de mim. As enfermeiras estavam tentando acalmá-los, e segurança estava subindo quando eu pisei fora do quarto.


"Krit," Eu o chamei.


Ele me olhou com uma carranca furiosa. "É isso aí! Você vai corrigi-la? Salve-a desta merda!" Ele me desafiou. Era hora de começar a provar a mim mesmo. Fui até Krit e coloquei meu braço em volta dos seus ombros.


"Sua irmã precisa de você. Ela está pedindo por você", eu disse a ele, enquanto olhava para a mulher em frente a ele. Ele não se moveu em primeiro lugar. Finalmente, ele assentiu com a cabeça e caminhou de volta para o quarto.


"Baby, não vá lá para ela..."


“Deixe-o em paz. Ele está indo para onde ele quer estar. Com a irmã que o ama e se machucou hoje à noite. E você precisa se acalmar. Bebidas demais fazem você dizer coisas absurdas e ninguém acredita. É óbvio que Krit ama sua irmã e ela o ama. Se você quer manter sua família, você pode querer agir como uma mãe e não uma bêbada, psicopata demente." Seus olhos se arregalaram quando eu disse a ela exatamente como as coisas estavam indo. A maquiagem não encobriria sua vida difícil. Sua pele tinha visto dias melhores. O mau cheiro nela era nauseante. Whisky azedo e perfume barato. "Agora, você precisa ir assinar os papéis para liberar sua filha. Ela foi examinada e ela precisa ir para casa e descansar. Eu vou estar cuidado do que acontecer daqui em diante. Se você foder com ela, eu juro por Deus que você vai perder tudo. Você me entende?"


Os ombros curvados da mulher recuaram quando ela olhou para mim com ódio. "Quem diabos você pensa que é? Você não me diga o que fazer. Você machucou Dulce? Você é algum perdedor que ela corre selvagem e festejando por aí?" Ela estava tentando distorcer a história para que eu parecesse o cara mau.


Um guarda de segurança parou ao meu lado. "Não, senhora. Este aqui é a estrela do futebol de Sea Breeze. Ele vai nos colocar no mapa um dia. Bom garoto. Eu o assisto jogar toda sexta-feira. Este jovem não causa problemas." Olhei para o homem ao meu lado e o reconheci como um dos guardas da segurança que trabalhava nos jogos. Eu lhe devia uma.


"Vocês não sabem como ela é", a mulher começou a subir novamente.


"Sim, eu sei. Ela é a mãe que seu filho não tem", eu respondi.


O segurança ao lado acariciou minhas costas. "Isso está bom, filho. Por que você não volta lá com a menina? Vamos fiscalizar sua mãe até ela assinar os documentos de liberação."


Eu atirei nela mais um olhar de advertência, em seguida, voltei para o quarto, onde encontrei Krit assistindo-me da porta. Havia surpresa em seus olhos. Ele não esperava que me levantasse. Eu mostraria a ambos uma e outra vez que eu não iria a lugar nenhum. O rosto bonito de Dulce era o que havia me atraído por ela. Eu tinha visto ela por um ano, querendo ser o motivo pelo qual ela sorria e fazendo-a feliz. Agora que eu tinha realmente chegado a conhecê-la, mesmo um pouco, eu queria mais. Eu garantiria que está menina bonita, que deveria ser valorizada e amada pelos pais, tivesse isso agora. Ela merecia isso.


"Ela está assinando os papéis", Krit sussurrou em descrença, enquanto observava sua mãe a partir da porta. "Você disse a ela para calar a boca do caralho e assinar os papéis", ele repetiu quando ele se virou para olhar para mim em reverência. Foi um começo. Eu tinha um longo caminho a percorrer para ganhar a sua confiança. Mas depois de hoje à noite eu faria Dulce María me dar uma chance. Se ela não quisesse, então tudo bem. Eu não iria obrigá-la. Eu seria apenas o amigo indesejado do qual ela não podia se livrar. A menina precisava de alguém para cuidar dela.


"Obrigada." Sua voz tomou conta de mim. Ela havia me agradecido apenas com um olhar.


"Vou levá-la para casa. Então eu vou ficar lá", informei. "Vou precisar levar o meu caminhão de volta para o meu pai, para o trabalho na parte da manhã, então eu vou pedir a Marcus ou a Dewayne para me ajudar. Mas eu estou ficando com você até segunda-feira de manhã".


Ela tinha acabado de começar a dizer algo quando a enfermeira entrou no quarto, seguida pela cadela com a qual Dulce tinha vivido.


A enfermeira sorriu para Dulce, em seguida, virou-se para mim. "Você estará dando-lhe uma carona para casa?", A mulher perguntou, mas soou mais como se ela me dizendo que eu ia.


Eu sorri. "Sim, senhora. Eu estarei dando a ela e ao irmão uma carona para casa."


"Rick está no carro esperando por mim. Os documentos estão assinados. Se ele está dando uma carona para vocês, eu vou vê-lo em casa", disse a cadela.


"Claro que sim, mãe", disse Krit com aborrecimento óbvio.


"Você dirija com segurança com o meu bebê no carro", a mulher disse-me. Eu balancei a cabeça, mas eu não olhei para ela. Eu estava muito ocupado assistindo Dulce quando eles a ajudaram a ajeitar o braço machucado. Vi a carranca da enfermeira, enquanto observava a Fandora sair sem uma palavra para Dulce.


Dulce não precisava de sua madrasta. Ela me tinha. Eu seria suficiente a partir de agora.


Compartilhe este capítulo:

Autor(a): Dulce Coleções

Este autor(a) escreve mais 54 Fanfics, você gostaria de conhecê-las?

+ Fanfics do autor(a)
- Links Patrocinados -
Prévia do próximo capítulo

Dulce Quando entramos no trailer, Fandora não estava lá. O carro dela estava na frente, mas ela disse que estava com o namorado, Randy. Então, aparentemente, ele a tinha levado de volta para o bar quando o pai de Green a tinha levado a força para o hospital. Eu não sabia que o pai de Green estava na sala de espera, ciente de toda essa conf ...


  |  

Comentários do Capítulo:

Comentários da Fanfic 132



Para comentar, você deve estar logado no site.

  • anne_mx Postado em 19/07/2020 - 02:49:39

    Eu simplesmente amei, achei que teria mais capítulos contando sobre o casamento que ele tava organizando, sobre como eles ficaram com as criancas mass no geral foi muito envolvente e me fez chorar, eles são incríveis juntos <3

    • Dulce Coleções Postado em 23/07/2020 - 15:33:06

      Ain *-*

  • Ellafry Postado em 13/09/2019 - 23:12:34

    poxaaaa, ma ja acabou? Eu amei

    • Dulce Coleções Postado em 14/09/2019 - 19:46:58

      Sim ;-; infelizmente é muito pequena msm, espero q goste das q estão saindo do forno kkk

  • Ellafry Postado em 12/09/2019 - 19:48:13

    caiu um cisco no meu olho

    • Dulce Coleções Postado em 13/09/2019 - 14:29:04

      Caiu no meu tbm

  • Ellafry Postado em 11/09/2019 - 00:08:46

    que lindo ele, fazendo tudo pra tirar ela do lugar onde vivia. fofo demais

    • Dulce Coleções Postado em 11/09/2019 - 14:05:29

      Muito fofo*-*

  • Ellafry Postado em 08/09/2019 - 20:24:20

    que primeira vez linda e romantica. ele é tão carinhoso

    • Dulce Coleções Postado em 09/09/2019 - 15:07:16

      Um Amorzinho

  • 🌹Queen🌹 Postado em 08/09/2019 - 14:23:39

    Leitora nova, to MUITO apaixonada nessa fanfic e mano, essa hot deles dois foi tao envolvente, apaixonada demaaaais faz maratona prfv, ansiosa demais com essa fic

    • Dulce Coleções Postado em 09/09/2019 - 15:07:00

      Seja bem vinda!!!!!! Espero q continue gostando dela... Sobre a maratona só não faço pq falta 3 ou 2 capítulos para acabar;-;

  • Ellafry Postado em 07/09/2019 - 19:48:23

    que lindinho *-*

    • Dulce Coleções Postado em 08/09/2019 - 14:05:28

      Muito

  • Ellafry Postado em 07/09/2019 - 00:11:45

    que lindoooooo. adoro o amigo dele rsrsrs tão sincero kkkkkk

    • Dulce Coleções Postado em 07/09/2019 - 03:38:04

      Melhor personagem tirando nosso casal kkkkk

  • Ellafry Postado em 02/09/2019 - 13:30:24

    A finalmenteeeeeeee. só espero que ela nao fuja ;x

    • Dulce Coleções Postado em 02/09/2019 - 13:45:40

      Kkkkk

  • candyle Postado em 01/09/2019 - 18:39:28

    Aaaaah Finalmenteeee *-* Continuaaaa

    • Dulce Coleções Postado em 02/09/2019 - 13:45:16

      Ahhh continuando



AVISO

Ajude o Fanfics Brasil a se manter no ar. http://pag.ae/7UPKhhi9u

Doar PagSeguro

 


Últimas postagens do Blog


  • 8 dicas para se tornar um escritor de sucesso
    Fanfic é bom para passar o tempo, se desligar um pouco, ou - se você é um escritor especialmente auspicioso - ganhará uma tonelada de dinheiro. É que supostamente ganhou cerca de US$ 80 milhões, graças a 50 Tons de Cinza. Então, o que é...
  • Feliz dia do leitor
    Parabéns a todos os leitores(as) de fanfics pelo dia do leitor e principalmente aos criadores de conteúdo que proporcionam uma boa leitura. Você Conhece a Origem do Dia do Leitor? O Dia do Leitor foi criado em homenagem à fundação do jornal cearense O POVO...