Fanfics Brasil Fanfics Brasil
Cadastro
- Links Patrocinados -
- Links Patrocinados -
- Links Patrocinados -

Fanfic: REENCONTRO OU UMA NOVA CHANCE? -AyA - RBD - PONNY | Tema: Rbd


Capítulo: Capítulo 10

218 visualizações Denunciar


24 de dezembro de 2019 - 1AM


POV. Anahí


 Depois que minha irmã e minha sobrinha foram embora, coloquei Manuel para dormir e decidi tomar um banho relaxante, meus pés estavam muito inchados pelo esforço de andar o dia todo, a cada dia eu me sentia mais desconfortável e tinha mais dificuldades para dormir, então após o banho peguei o celular para falar com Alfonso e percebo que ele havia mandado uma mensagem.


 ~Conversa com Charro~


 Charro: Ani? Estás acordada? Queria conversar 😔


 Anahí: Oie, desculpa a demora para responder, você ainda está on? Se quiser pode me ligar.


 Ele visualiza a mensagem e me chama na vídeo chamada.


Atendo e percebo que seu semblante está abatido, sinto um aberto no peito, não gosto de vê-lo desse jeito.


Anahí: O que aconteceu? Dani está bem?


 Poncho: Sim, sim. Ele está dormindo. Só estou cansado. Diana chegou hoje.


 Anahí: Ahn sim - digo decepcionada, será que ele deixaria de lado o que me prometeu agora que ela voltou?-  Dani deve ter ficado feliz que ela voltou a tempo do Natal.


 Poncho: Nós conversamos e ela me pediu o divórcio.


 Sério que ele estava triste por isso? Será que eu sou egoísta a esse ponto por não gostar de ver ele arrasado com o fim do casamento?


Como não respondi nada e percebendo minha possível expressão confusa ele disse:


 Poncho: Não, eu não estou triste por isso, já sabia que aconteceria, se ela não pedisse eu faria- Sinto que estava prendendo a respiração  e solto ao ouvir isso - ela quer a guarda da Daniel.


Anahí: Como assim? Unilateral? Ela não pode te privar do seu filho, tens esse direito, és um pai maravilhoso, nenhum juiz vai te negar de ver seu filho.


Poncho: Eu espero, vou conversar com meu advogado para entrar com.um pedido de guarda compartilhada, assim que passarem as festas vou começar a procurar um apartamento próximo daqui para me mudar. Não quero ficar muito longe dele, mesmo nos dias que ela estiver com ele.


Poncho era um pai tão maravilhoso, queria tanto que Manuel tivesse um assim, que se importasse e o amasse. Ele me tira dos meus pensamentos quando diz:


Poncho: O que você tanto pensa? Estás muito calada e para Anahí isso é algo preocupante. 


Anahí: Sinto muito pelo seu casamento, não estou sendo irônica ou falsa, eu sempre torci para que você fosse feliz, mesmo sendo longe de mim- Não menti em nada do que disse- Sinto mais ainda pelo Daniel que terá que enfrentar essa situação mesmo sendo tão pequeno.


Poncho: Obrigado. Mas daremos um jeito, por enquanto ficarei aqui, já estou no quarto de hóspedes, vamos com calma para ele se acostumar.


 


Ficamos conversando até às 3 da manhã, Alfonso sempre teve dificuldades para dormir, principalmente quando o dia era estressante. Contei meu dia com minha irmã, ele me perguntou sobre minha família,   aos poucos  percebi que ele relaxava e já sorria mais facilmente, isso me alegrou. Nos despedimos e ele prometeu me ligar para desejar feliz Natal.


Pov Poncho


 Acordei às 8 horas, achei que me sentiria pior por ter dormido tarde, mas a conversa com Anahí conseguiu me dar uma boa e tranquila noite de sono, vou ao banheiro, tomo banho e escovo os dentes. Passo no meu antigo quarto e vejo que Diana ainda está dormindo, pego uma roupa no closet e vou fazer um Café. Logo Daniel acorda e sua empolgação com a véspera de Natal me distraí. Diana levanta por volta das 9 hrs. Vai até a sala e nos vê brincando.


 Diana: Bom dia!


 Daniel: Mamãe! Você voltou! - Corre até ela e a abraça


Diana: Claro,meu amor! Estava com muita saudade do meu pequeno.


Daniel decide contar para sua mãe tudo que fez enquanto ela esteve fora, e ver essa cena me fez pensar que apesar se estar em um casamento fadado ao fracasso desde o início, algo de muito maravilhoso foi construído dele, éramos uma família, sempre seremos a família e o suporte do Daniel, nenhuma escolha que fizéssemos poderia mudar isso. A tarde nos arrumamos e fomos para a casa dos pais dela, desde que casamos passamos a véspera de Natal com eles e o dia de Natal com a minha família.


Os pais de Diana sempre me trataram muito bem, após chegarmos Daniel vai brincar com os primos  e nos reunimos na sala para conversar. Diana age como se nada tivesse acontecido, como se fossemos um casal feliz e apaixonado, mas não consigo fingir dessa forma, eu sei que sou ator, mas tudo tem limite.


Diana: Se você vai ficar com essa cara é melhor ir embora.


Poncho: Não consigo forçar algo que não existe mais e eu estou falando do nosso casamento. Se ainda não fui embora é pelo meu filho.


Ela começa a falar algo, mas desiste. Vejo que a noite vai ser longa.


Pov Anahí


Acordo com Manu pulando em cima de mim na cama, super animado para irbpara casa da avó. Faço minha higiene matinal e dou um banho nele antes de tomarmos café para irmos. Meu celular toca e vejo que é o Velasco.


 Anahí: Alô


Velasco: Até que enfim a Margarida decidiu atender.


Deus daí-me paciência


 Anahí: Vais falar algo ou não? Preciso terminar de arrumar o Manu.


 Velasco: tenho muitos assuntos para tratar com você, principalmente sobre sua visitinha noturna com teu amante, mas agora só quero avisar que chego amanhã de manhã com mamãe.


 Anahí: Não tenho nenhum amante, gostaria,  mas não tenho e sabes que não gosto dessa bruxa perto do meu filho.


 Velasco: Eu não me importo com que gostas. Te encontro amanhã, feliz Natal querida*


 Mais um ano, senhor! só isso para eu me libertar, respiro fundo e pego minhas coisas. Chamo um uber e sigo para casa de minha mãe.


 


Passamos a véspera de Natal da melhor forma,  rindo, contando histórias, eu amo estar com a minha família, até esqueço o problema que encararei amanhã,  depois de colocarmos as crianças para dormir e continuamos conversando na sala. Meu celular apita com várias mensagens no sgrupos, abro apenas o grupo do Rbd e desejo feliz Natal. Às 2hrs me recolho para meu antigo quarto,  estou exausta, mas decido mandar uma msg pra Alfonso desejando feliz Natal,  provavelmente ele só verá no outro dia, acabo caindo no sono e rezando para Deus me ajudar a enfrentar o dia de amanhã.


 


25 de dezembro de 2019


 Manu me acorda super animado para ver os presentes que o papai Noel deixou, mas assim que abro os olhos noto que tem mais alguém me observando,  e lá está ele, parado na porta do quarto, meu querido* marido, com seus olhos cheios de raiva. 


Anahí: Bom dia, Manuel.


Velasco: Bom dia, querida. Manu, porque você não vai atrás da sua avó?  preciso conversar com sua mãe.


 Manu me olha como se entendesse o que iria acontecer, ele sabe quando vamos brigar, falo pra ele ir até a avó e ele me obedece saindo do quarto.


Anahí: pronto, pode começar o seu discurso.


 Velasco: Eu realmente não sei mais o que fazer com você, tá cada dia pior!  Não se dá respeito! Cada dia mais oferecida por aí, você é uma mãe de família, Anahí! Não pode ficar fazendo o que bem entende e muito menos se encontrando as escondidas com um atorzinho vagabundo de merda!


Anahí: Eu não sou apenas mãe, eu também sou mulher e tenho muito mais respeito que você que vive de aparências! Eu não me encontrei com o Alfonso as escondidas, você sabia onde eu estava, postamos até foto, diferente de você que vive em locais nada respeitáveis, se mete em vários esquemas de corrupção e ainda tens a coragem de dizer que eu tô cada vez pior?? Me poupe, Manuel.


 Me levanto e caminho até a porta do banheiro , ele me para, agarrando e apertando meus braços. 


Anahí: Você tá me machucando! Eu já disse que não vou baixar mais a cabeça pra tudo que você quer! Me solta agora ou eu vou gritar e minha família inteira vai saber o cretino que você é! 


Velasco: Isso não acaba aqui, você vai parar de falar com esse idiota e depois do ano novo vai comigo pra Chiapas! 


Anahí: Não mesmo! Meu filho vai nascer aqui! Não vou embora com você! E não vou mais discutir. Feliz Natal, Velasco. 


Velasco: Minha mãe tá aí, então vou voltar pra sala- saindo do quarto  


Anahí: Aí, vou ter que aguentar essa bruxa.


 


Apesar dos dois intragáveis na sala da minha mãe, decido que passarei o dia a beira da piscina com as crianças, Ana Paula se junta a mim e temos uma manhã bem divertida. Velasco e a mãe vão embora no inicio da tarde, claro que sem antes batermos as tradicionais fotos montadas para ele postat, ele promete que vem me buscar após o ano novo e eu ignoro. Se tudo der certo nunca mais piso naquele inferno.


 


 


Pov. Poncho 


Na manhã de Natal acordo e vejo a mensagem de Anahí,  tinha prometido ligar para ela, mas farei isso na casa da minha mãe, apenas respondo " Feliz Natal, Ani! Mais tarde te ligo, besos! ".


Diana: Eu não vou para a casa da Ruth, você pode ir com o Dani. Ligo depois pra ela.


 Poncho: Tudo bem- já estou prevendo as milhões de perguntas que minha mãe fará.


 Nos despedimos de todos, coloco Dani na cadeirinha e sigo para a casa da minha mãe, quando chegamos ela nos recebe com a maior alegria do mundo, me sinto tão bem em casa, uma pena que a correria do dia a dia me impede. Passamos uma manhã agradável ao lado dos meus irmãos, cunhadas e sobrinhos, Daniel brinca tanto que dorme cedo. Quando coloco ele na minha cama, escuto minha mãe entrando no quarto.


 Ruth: Filho, podemos conversar?


 Poncho: Claro, mãe. 


Ruth: O que tá acontecendo no seu casamento? Diana não apareceu aqui, me ligou pra desejar feliz Natal mas não justificou sua ausência, fora que ela vive viajando.


 Poncho: Mãe, nós estamos nos separando, não dá mais, não servimos pra sermos um casal, melhor cada um seguir sua vida e ir atrás de quem realmente gosta.


Ruth: Sinto muito, filho. Sempre achei esse relacionamento de vocês estranho, eu te conheço e sei que você nunca foi apaixonado por ela,  te conheço e só te vi assim por uma pessoa- fecho os olhos rezando pra ela não tocar no nome da Anahí, porque não conseguirei esconder minha reação- você podia amar a Diana, mas não como esposa.


Poncho: O mesmo acontecia com ela, mãe. Mas vamos fazer tudo com calma, não queremos que o Dani sofra tanto no meio disso.


 Ruth: Sabes que estarei aqui torcendo pra sua felicidade, meu amor. - Me abraça  e diz- E algo no meu coração diz que ela tá bem perto.


Será que realmente coração de mãe não se engana?


 


 


 


 


 


 


Compartilhe este capítulo:

Autor(a): mand2519

Esta é a unica Fanfic escrita por este autor(a).

Prévia do próximo capítulo

26 de dezembro de 2019 Pov Anahí Passado o natal, Manuel e sua mãe voltaram pra Chipas, apesar dele querer que eu passasse o ano novo naquele fim de mundo me impus e disse que iria com a minha família para Acapulco como sempre fazemos. Não foi uma discussão fácil, mas já estou há tanto tempo vivenciando esse tipo de e ...


  |  

Comentários do Capítulo:

Comentários da Fanfic 14



Para comentar, você deve estar logado no site.

  • ligia Postado em 02/11/2020 - 00:21:40

    Coitada da Any ninguém merece esse Velasco, espero que ela goste da surpresa do Poncho, estou ansiosa para ver a reação dela.

  • ligia Postado em 17/10/2020 - 22:06:14

    Só acho que a Any vai amar a surpresinha do Poncho, super ansiosa para ver a reação dela,

    • mand2519 Postado em 31/10/2020 - 19:48:10

      Siiim, ela nem imagina!

  • ligia Postado em 16/09/2020 - 21:17:00

    Estou gostando de ver a Any se impondo.

  • ligia Postado em 12/09/2020 - 01:01:30

    Amei a participação da Ana Paula kkk. A liberdade esta cantando para o Poncho que maravilha.

    • mand2519 Postado em 16/09/2020 - 18:09:31

      Ana Paula vai representar as traumadas kkkk Poncho só está no aguardo kkk

  • ligia Postado em 08/09/2020 - 00:15:03

    Boa sacada utilizar a "Teoria do PRI" , agora só falta o Poncho se divorciar da Diana e se tornar o super-herói da Any.

    • mand2519 Postado em 10/09/2020 - 22:16:01

      O divórcio tá chegando! Espero que logo ele esteja livre

  • ligia Postado em 31/08/2020 - 14:42:03

    Curiosa para saber o enredo dessa conversa.

    • mand2519 Postado em 07/09/2020 - 16:24:30

      prontinhooo

  • ligia Postado em 23/08/2020 - 23:58:44

    Continua, estou ansiosa por esse reencontro.

    • mand2519 Postado em 28/08/2020 - 18:35:09

      O beijo vai demorar só mais um pouquinho kkkk

    • ligia Postado em 25/08/2020 - 23:12:31

      Ficou perfeito, amei a Any dando um chega pra la no Velasco, melhor que isso só se tivesse beijo A Y A, mas acredito que esta cedo para isso ainda né kkk

    • mand2519 Postado em 25/08/2020 - 14:47:58

      Acabei de postar! Espero que gostes!



AVISO

Ajude o Fanfics Brasil a se manter no ar. http://pag.ae/7UPKhhi9u

Doar PagSeguro

 


Últimas postagens do Blog


  • 8 dicas para se tornar um escritor de sucesso
    Fanfic é bom para passar o tempo, se desligar um pouco, ou - se você é um escritor especialmente auspicioso - ganhará uma tonelada de dinheiro. É que supostamente ganhou cerca de US$ 80 milhões, graças a 50 Tons de Cinza. Então, o que é...
  • Feliz dia do leitor
    Parabéns a todos os leitores(as) de fanfics pelo dia do leitor e principalmente aos criadores de conteúdo que proporcionam uma boa leitura. Você Conhece a Origem do Dia do Leitor? O Dia do Leitor foi criado em homenagem à fundação do jornal cearense O POVO...