Fanfics Brasil Fanfics Brasil
Cadastro
- Links Patrocinados -
- Links Patrocinados -
- Links Patrocinados -

Fanfic: A Cupido | Tema: Ponny, Vondy...


Capítulo: 01° Capítulo

67 visualizações Denunciar


Era mais um dia pacato na vida de Anahí; a garota se preparava em frente a sua penteadeira para mais um dia cansativo de aula. Enquanto terminava de arrumar o cabelo, ela repetia baixinho o que estudou na noite anterior, focada em lembrar todas as fórmulas, porque depois de dois zeros, precisava provar a si mesma que era capaz de gabaritar o teste de quimíca.


 


-- Finalmente! -- Exclamou Erick com impaciência ao vê-la chegar na sala de estar.


 


-- Mas você é chato, viu.


 


Nina, que odiava presenciar as brigas matinais dos dois irmãos, apanhou as chaves do carro sobre a mesinha de mármore ao lado do sofá e gritou:


 


-- Quem quiser minha carona ande logo, porque eu não vou esperar mais por ninguém!


 


Anny seguiu a irmã e correu em direção ao elevador, ao qual elas já tinham acesso dentro da própria sala de estar, sendo acompanhada por Erick, que ainda estava ajeitando sua mochila.


 


Eles moravam numa cobertura luxuosa no Upper East Side, em Nova York, que lhes foi dada de presente quando os seus pais se mudaram para o Havaí, alguns anos atrás. A cobertura era o sonho de qualquer pessoa; o apartamento era gigantesco, tendo até uma piscina privativa, jacuzzi e uma churrasqueira na área de lazer. Os cômodos como a sala de estar e jantar e a cozinha foram decorados pela Nina, que optou por um visal mais clean, alternando pelo cinza, off-white e grafite. Os cinco banheiros e a sala de jogos ficaram nas mãos de Erick, que resolveu abusar das cores, o que contrastou bastante com o restante dos cômodos, incluindo a sala de cinema, o único ambiente que Anahí decorou (além do seu respectivo quarto, é claro), onde ela usou de inspiração um cinema normal e praticamente o recriou em sua casa. 


 


-- Bom dia, Alfred! -- desejaram em uníssono ao porteiro quando o elevador parou e abriu a porta no térreo.


 


-- Bom dia, gente! -- ele respondeu sorridente, conferido algumas correspondências.


 


Os três irmãos passaram pela porta do saguão de entrada e caminharam até o Jeep verde militar estacionado próximo ao prédio. Após todos acomodados dentro do veículo, Nina deu a partida e seguiu para o Elite Way.


 


***


 


-- Anny! -- May berrou quando avistou a amiga. A morena correu em direção a ela e se jogou em seus braços, a apertando em um abraço.


 


-- Calma, foi só um fim de semana -- Anny brincou quando May a soltou.


 


-- E seus irmãos? -- Indagou May, ingnorando a brincadeirinha de Anny.


 


Anny reparou que a morena estava tão arrumada quanto nos outros dias, desfilando pelo colégio com uma saia xadrez da coleção nova da Versace, seus saltos prediletos e uma camisa preta de mangas longas e gola alta que elas compraram na Chanel uns dias atrás. O cabelo bem cuidado estava preso em uma trança espinha de peixe, ressaltando o conjunto de brincos e colar da Tiffany`s. Pois é, May é uma fanática pelas lojas de grife. 


 


-- Foram para a facul. Erick está todo chato agora que é um universitário.


 


-- Isso é normal -- disse May -- a Dul já era chata, depois da facul ficou mil vezes pior.


 


Anny sorriu com o exagero da amiga. Dulce não era chata, muito pelo contrário, ela era uma ótima amiga. Para Any a ruiva só tinha um defeito: Dulce era uma tagarela nata e nunca sabia a hora certa de calar a boca.


 


-- Acho melhor a gente ir para a sala -- Anny falou, pondo a alça de sua bolsa sobre o ombro.


 


-- Eu concordo, hoje a primeira é aula do Anthony e eu não quero chegar atrasada. -- May fez uma careta ao pronunciar o nome do professor mais odiado de todo o Elite, e começou a caminhar junto a Anny para a sala de aula.


 


***


 


-- Bom dia, alunos! -- Foi o que o Sr. Pascual disse, ao adentrar na sala de aula com um novato a tiracolo.


 


-- Bom dia, Sr. Pascual! -- responderam os alunos em uníssono, escancarando um sorriso meio exagerado.


 


Não que os alunos ligassem para o Diretor Pascual, mas a semana de provas estava se aproximando e o mínimo que podiam fazer era bajular seus superiores.


 


Ele caminhou até o birô do professor Anthony e deu um aceno, indicando que o novato se aproximasse.


 


-- Alunos, esse é o Alfonso Herrera. -- Pascual o apresentou, mas ele se manteve calado. -- Ele se mudou recentemente, então eu peço para serem gentis com ele. 


 


-- Seja bem-vindo, Alfonso -- Anthony apontou para a carteira em frente a de Anahí e prosseguiu: -- sente-se.


 


Em silêncio, ele caminhou a passos largos até a carteira e quando sentou, jogou sua mochila sobre a mesinha.


 


Em seguida Pascual se despediu dos alunos e se retirou, então Anthony se levantou e começou a copiar alguns exercícios de trigonometria no quadro. Enquanto Anny arrancava o seu caderno de dentro da bolsa, um bilhetinho cor de rosa posou sobre sua mesa. Ela olhou para May e recebeu um sorriso cúmplice.


 


" Que novato gato! E que boca é aquela? Meu Deus! Cupido, você tem que me ajudar nessa!


 


-- Tita. "


 


"Pode deixar..." -- Anny disse, movimentando apenas os lábios; sem fazer nenhum tipo de som.


 


***


 


Quando o sino que indicava o ínicio do intervalo ecoou pela escola, os alunos saíram em disparada em direção ao pátio. Muitos iam comprar lanche na cantina e a fila ficava absurda em poucos segundos, mas Anny não se preocupava com isso, ela sempre levava seu sanduíche natural; odiava a comida oleosa e cheia de gordura da escola. A jovem até chegou a organizar um protesto para a cantina fazer lanches mais saudáveis para os alunos, porém a grande maioria não quis abandonar os pastéis banhados a oléo feitos pela merendeira, então não apoiaram a loira e ela acabou desistindo.


 


-- Anny, você é a verdadeira Cupido -- Amanda, a última "cliente" de Anny, se dirigiu a ela toda afobada. -- Se não fosse por você, eu nunca iria dar uma chance ao Paulo, e olhe só, ele é minha alma gêmea!


 


-- Fico feliz por vocês! -- Anny sorriu, mas não estava tão feliz assim. Ela já havia comprometido a maioria dos garotos do Elite e ainda não havia achado o seu em especial.


 


-- Anny, você está oculpada? -- May se aproximou com uma felicidade absurda e, ao ver Amanda, a fitou com cara de poucos amigos até a menina se afastar.


 


-- Agora não estou mais - ela encara a amiga com seriedade, mas May apenas dá de ombros e começa a falar.


 


-- Que me ajude com o Alfonso, eu acho que encontrei minha alma gêmea. -- May revelou animada, Anny sabia que isso era passageiro, a morena sempre vinha com a mesma frase sempre que via um rostinho bonito.


 


-- Qual é, May, você nunca nem falou com ele! 


 


-- E nem precisei, foi amor a primeira vista! 


 


Compartilhe este capítulo:

Autor(a): beatriz_herrera

Este autor(a) escreve mais 7 Fanfics, você gostaria de conhecê-las?

+ Fanfics do autor(a)
- Links Patrocinados -



Loading...

Autor(a) ainda não publicou o próximo capítulo



Comentários do Capítulo:

Comentários da Fanfic 0



Para comentar, você deve estar logado no site.



AVISO

Ajude o Fanfics Brasil a se manter no ar. http://pag.ae/7UPKhhi9u

Doar PagSeguro

 


Últimas postagens do Blog


  • 8 dicas para se tornar um escritor de sucesso
    Fanfic é bom para passar o tempo, se desligar um pouco, ou - se você é um escritor especialmente auspicioso - ganhará uma tonelada de dinheiro. É que supostamente ganhou cerca de US$ 80 milhões, graças a 50 Tons de Cinza. Então, o que é...
  • Feliz dia do leitor
    Parabéns a todos os leitores(as) de fanfics pelo dia do leitor e principalmente aos criadores de conteúdo que proporcionam uma boa leitura. Você Conhece a Origem do Dia do Leitor? O Dia do Leitor foi criado em homenagem à fundação do jornal cearense O POVO...