Fanfics Brasil Fanfics Brasil
Cadastro
- Links Patrocinados -
- Links Patrocinados -
- Links Patrocinados -

Fanfic: O Erro (Adaptação Vondy) | Tema: Vondy, amores improváveis


Capítulo: Capitulo 27- p03

181 visualizações Denunciar


Me provocar é tudo o que ela faz. Dulce tira minha camiseta e explora cada centímetro do meu peito com a boca. Sinto seus lábios macios e beijos fugazes ao longo da minha clavícula, e então sobre meu peitoral esquerdo,
pairando sobre meu mamilo e me causando arrepios. Sua língua me experimenta, e sinto aquele movimento minúsculo em meu mamilo, como se fosse no meu pau. Ele pulsa, dolorido, e estou a ponto de me contorcer. Quero sua boca de novo. Quero que chupe a cabeça, só um pouquinho, e então brinque com a língua. Quero…
Ah, agora ela está beijando minha barriga, descendo e fazendo exatamente o que quero. Juro, essa garota deve ler pensamentos. Seus lábios me envolvem, a língua fazendo aquilo com que eu fantasiava.
Devo ter feito algum barulho, porque ela me espia com um sorriso satisfeito. — Tudo bem aí em cima?
— Porra. Mais do que bem.
— Pergunta — diz ela, e agora estou sorrindo também, porque amo quando faz isso. Anuncia que está prestes a me interrogar, em vez de falar logo.
Ofereço minha resposta-padrão: — Manda ver —
— E a sua bunda?
Minha testa se franze. — Como assim?
— Por exemplo, se eu fizer isto…— Seu dedo desliza para um ponto em que eu não estava esperando ser tocado. — Você vai surtar ou vai querer que eu continue?
Ela faz de novo, e fico chocado quando uma onda de prazer percorre minha coluna. — Continua — respondo, rouco. — Por favor, continua.
Dulce parece ao mesmo tempo surpresa e intrigada. Em seguida, abaixa a cabeça e me enfia fundo na boca, outro movimento inesperado que embaralha minha visão. Minha nossa. Estou completamente envolvido por um calor
apertado e molhado. A ponta do meu pau vai no fundo da sua garganta, e meus quadris se movem antes que possa impedi-los, saindo uns três ou quatro centímetros e entrando de novo.
Seu gemido reverbera em mim. Seu dedo continua a me atormentar.
Gentil e exploratório, provocando uma dor estranha de prazer que não esperava. É intenso demais. E ela não para. Me tortura com a língua, lambendo meu pau, lenta e cuidadosamente, como se fosse uma cartógrafa que planeja me mapear depois. E aquele dedo. Esfregando, provocante.
Meu saco se comprime, minha garganta está tão seca que mal posso dizer uma palavra. Mas consigo emitir duas. —Vou gozar.— Em seguida, mais uma. — Logo.
A última vez que ela fez isso, não ficou ali até o fim. Agora, mantém a boca no meu pau, o cabelo comprido fazendo cócegas em minhas coxas enquanto a cabeça se move. Estou quase lá. O sangue fervendo. Mas ainda falta
um pouco, uma tensão provocante que me faz gemer de impaciência. Eu quero.
Preciso. Eu… Ela enfia o dedo e, puta merda, não vou mentir. É bom pra caralho. Chupa meu pau com força, enfia o dedo mais fundo, e explodo feito uma granada.
Arfo, em busca de ar, e meus quadris se erguem da cama, enquanto gozo com os sons de seus gemidos e minha respiração ofegante. Seu pescoço se move à medida que ela engole, cada pequena sucção arrancando mais prazer do meu corpo, até eu não passar de uma pilha de músculos arquejante e inconsciente na cama.



Dulce se aninha ao meu lado, pousando a mão na minha barriga, uma pequena âncora quente que me impede de flutuar para longe.
— Isso foi…— Inspiro fundo. —Fenomenal.
Sua risada aquece a curva do meu pescoço. — Vou anotar. Bunda: fenomenal. Só chupada… como foi que você falou da última vez? Só incrível, acho.
— Tudo o que você faz comigo é incrível e fenomenal — corrijo, enfiando os dedos em seus cabelos. Acho que nunca me senti tão satisfeito na vida. — Ei. Pergunta.
— Manda ver.
Sorrio com a inversão de papéis e acrescento: — O primeiro jogo da prétemporada é amanhã à noite. Sei que você não gosta de hóquei, mas… topa ir?.
— Ah, eu iria se pudesse — responde ela, parecendo genuinamente chateada.— Mas vou encontrar um cara da turma de psicologia.
Deito de lado e estreito os olhos para ela. Uma sensação estranha e desconhecida me invade.
Fico surpreso ao perceber que é ciúme.
— Que cara?
Ela ri.— Calma, seu bobo. É só um cara da minha turma. Temos que fazer um trabalho em dupla, um estudo de caso. A gente deve se encontrar algumas vezes pelas próximas duas semanas.
— Ah, é? — Faço uma pausa. — Ele é bonito?
— Acho que não é de se jogar fora. Magro demais, mas algumas meninas gostam disso.
Algumas meninas? Ou uma em especial?
Quando percebe minha expressão, dulce ri ainda mais alto. — Rá. Quem tá com ciúme agora?
— Não tô com ciúme — minto.
— Tá sim! — Ela se aproxima e dá um beijo sonoro em meus lábios. — Mas não precisa. Tenho namorado, lembra?
— Tem mesmo.


Merda, agora sei como ela se sentiu na festa, na outra noite. Esse aperto possessivo no peito é… algo novo. Não gosto da sensação, mas não posso impedir que venha. Desde que entrei na Briar, não tive nada sério com ninguém, mesmo que o caso durasse mais de uma noite. Vi algumas meninas com frequência suficiente para desenvolver algum sentimento por elas, mas nunca tive um relacionamento exclusivo. Estava bem ciente de que saíam com outros caras e não me importava.
Dessa vez, eu me importo. A ideia de Dulce com outro cara é inaceitável.
Não vou tão longe a ponto de dizer que ela é minha, mas… bom, ela é minha. Para abraçar e beijar e fazer rir.
Isso mesmo, minha...


 


Ahhhh, quem ta com ciúmes agora? kkkkk


Compartilhe este capítulo:

Autor(a): dayanerodrigues

Este autor(a) escreve mais 5 Fanfics, você gostaria de conhecê-las?

+ Fanfics do autor(a)
- Links Patrocinados -
Prévia do próximo capítulo

 — Que horas são?  — ela pergunta.  — Tô com preguiça demais para levantar a cabeça.Ergo o rosto para ver o relógio.  — Dez e trinta e dois. — Quer terminar de assistir ao filme? — Claro.  —  Me abaixo para pegar o laptop, que ...


  |  

Comentários do Capítulo:

Comentários da Fanfic 421



Para comentar, você deve estar logado no site.

  • Ellafry Postado em 18/01/2021 - 22:30:54

    mas ai, maite é fdp, tem várias 'amigas' mas na hora que quebra a cara e o cu liga pra dulce ¬¬

  • vondysaviñon Postado em 18/01/2021 - 21:17:51

    lindo o que o ucker disse sobre o pai, mas ainda assim fico indignada com esse acordo

  • vondysaviñon Postado em 18/01/2021 - 21:17:11

    pqp a maite só se ferra e ferra os outros também

  • binha1207 Postado em 18/01/2021 - 19:03:17

    A Maitê sem fazendo duas dela... Afff.,. Já disse que esse Ucker é fofo....

  • rt1508 Postado em 18/01/2021 - 15:02:15

    Uuuh, continuaa, que lindo a posição do Ucker em relação ao pai dele.

  • natyr Postado em 18/01/2021 - 01:34:58

    Me encanta la historia!!!😍

  • binha1207 Postado em 17/01/2021 - 19:28:38

    KD vc....eu vim aqui só pra te ver.... Já tô com saudades.... Vai posta hoje?

  • binha1207 Postado em 16/01/2021 - 13:19:35

    Poncho é demais.... Posta mais...vai....

  • rt1508 Postado em 16/01/2021 - 11:07:07

    Aaah, continua, tudo parece tão bom, será que alguém vai estragar essa fase boa dos dois?

    • dayanerodrigues Postado em 16/01/2021 - 12:54:41

      *-*

  • binha1207 Postado em 16/01/2021 - 10:27:23

    Não acredito que vc leu o livro que indiquei.... Estou pasma....obrigada. gostou então? Eu acho o melhor deles... Minha mísera opinião... Vai publicar ele?

    • dayanerodrigues Postado em 16/01/2021 - 12:54:02

      li sim meu amor, obg pela a dica.



AVISO

Ajude o Fanfics Brasil a se manter no ar. http://pag.ae/7UPKhhi9u

Doar PagSeguro

 


Últimas postagens do Blog


  • 8 dicas para se tornar um escritor de sucesso
    Fanfic é bom para passar o tempo, se desligar um pouco, ou - se você é um escritor especialmente auspicioso - ganhará uma tonelada de dinheiro. É que supostamente ganhou cerca de US$ 80 milhões, graças a 50 Tons de Cinza. Então, o que é...
  • Feliz dia do leitor
    Parabéns a todos os leitores(as) de fanfics pelo dia do leitor e principalmente aos criadores de conteúdo que proporcionam uma boa leitura. Você Conhece a Origem do Dia do Leitor? O Dia do Leitor foi criado em homenagem à fundação do jornal cearense O POVO...