Fanfics Brasil Fanfics Brasil
Cadastro

Fanfic: Este Corazón | Vondy | | Tema: Vondy


Capítulo: Cap 12

107 visualizações Denunciar



Dulce Maria



Já era manhã do dia seguinte e eu quase não tinha conseguido pregar os olhos aquela noite, como assim eu não era compatível? Eu sou a mãe dela, ela foi gerada dentro de mim e eu não poderei ajuda - la. Mai me explicou que devido ao seu plantão não conseguiu fazer o teste ainda, mas logo faria. Enquanto eu fui ao banheiro pude perceber que Anny entrava no quarto segurando uma bandeija, uma sacola e falando no celular


Anahi - Ok Poncho.. Sim... Beijos - Desligando


Dulce - Estava falando com o Poncho?


Anahi - Sim, fiz mal? Se sim me des... - a interrompo


Dulce - Não loira, fica em paz - olho pra sacola - O que é isso? - cara de nojo


Anahi - É o seu café da manhã, mocinha  - colocando a bandeija em cima de uma mesinha


Dulce - Isso está com uma cara horrível


Anahi - Eu sei, por isso eu trouxe pra você um lanche, toma


Ela me entrega uma sacola onde havia um lanche natural e um suco


Dulce - Não quero, não estou com fome


Maite, que acabara de entrar no quarto com um papel, escuta tudo


Maite - Mas vai comer, ou então eu rasgarei a sua alta - mostrando o papel


Bufei! Aquilo era jogo de golpe baixo, eu não queria comer, eu só queria sair daquele quarto o quanto antes, mas eles venceram, me sentei e comi o lanche que Anny trouxe e tomei o suco, confesso que estava sim com um pouco de fome, mas aquele nervosismo tinha feito a minha fome sumir.


Dulce - Pronto, comi tudo! - limpando a boca


Maite - Assim que eu gosto, comendo tudo - batendo palmas


Dulce - Larga de ser besta, já posso sair daqui?


Maite - Pode sim, mas saiba que eu estarei de olho em você - aponta para os olhos


Dulce - Pode deixar, agora vou me trocar e voltar para o lugar de onde nunca deveria ter saído: ao lado da minha filha


Na parte da manhã, quando acabou seu plantão Maite havia ido em casa pegar roupas para mim e para a bebê, pois iríamos precisar e seria muito peso para Anny carregar. Fui ao banheiro, tomei um banho, me troquei e corri para o quarto que minha filha estava, ela estava acordada, porém bem quietinha, uma das enfermeiras brincava com ela enquanto fazia algumas anotações, por ser um quarto da ala pediátrica, pude perceber que tinham desenhos na parede e alguns brinquedos da Gih estavam espalhados, provavelmente Mai os trouxe quando foi buscar nossas roupas em casa.


Enfermeira - A la bebê quem chegou - aponta pra mim


Minha filha ficou me olhando por alguns segundos como se quisesse me reconhecer, ela abriu um sorriso de canto, que logo se desfez. Olhei para a enfermeira como quem quisesse entender o que aconteceu


Enfermeira - As vezes ela pode ficar um pouquinho confusa por conta das medicações, mas fica tranquila mamãe, ela sabe quem é você - explica


Dulce - Ah sim, obrigada por explicar - passei as mãos pela nuca


Me aproximei da sua caminha e beijei - lhe a testa, vi que a enfermeira havia saído e voltado logo em seguida com uma bandeija em mãos


Enfermeira - hora de papar, bebê


Dulce - Eu posso dar pra ela? - aponto para a papinha


Enfermeira - Você quer dar na boquinha dela? - assenti - pode sim, mas esteja preparada pois é um pouquinho difícil - me entregando a papinha - eu vou sair para que você consiga dar a papinha dela em paz, mas qualquer coisa é só chamar a gente pelo botão - mostrando o botão


Assim que ela saiu eu me ajeitei ao lado da bebê e comecei a dar a papinha pra ela, porém as vezes ela negava e virava o rostinho, mas foi ela começar a chorar que eu me desesperei, tentei mais um pouco mas sem sucesso, então acionei o botão de emergência e a enfermeira voltou


Enfermeira - O que houve mãezinha?


Dulce - Ela não quer comer direito - chorosa


Quando ela iria explicar, Dr Marcos entra no quarto


Dr Marcos - Como estamos hoje?


Enfermeira - Dulce está tentando dar comida para a bebê, mas ela só chora e eu ia explicar o porque da dificuldade da bebê comer.


Dr Marcos - Pode deixar que eu explico


O Dr me olha com um olhar terno e põe - se a falar


Dr Marcos - Dulce, como eu havia lhe explicado anteriormente essa doença infelizmente trás muitas enfermidades consigo, mesmo que estejamos dando remédios e iniciando o tratamento, ela terá dores e essas dores juntamente com o inchaço do fígado que pressiona o estômago, podem causar a falta de apetite dela.


Ele agora olha para a enfermeira e continua a falar


Dr Marcos - Desde quando ela está com dificuldades para comer? - olhando- a


Enfermeira - Depois que ela chegou aqui é a 1° vez que tentamos alimenta-la - explica


Dr Marcos - Então vamos fazer um teste, se mais tarde ela não comer novamente, teremos que colocar a sonda.


Dulce - O que é isso de sonda? - confusa


Enfermeira - É um instrumento que colocamos no paciente quando ele não consegue comer, para que não fique desidratado e sem os devidos nutrientes.


Dulce - Não, isso não vai acontecer, ela vai comer direitinho né bebê? - faço carinho nela


Enfermeira - Vou dar um remédio pra ela pra ver se as dores diminuem e ela consiga comer mais tarde


Ela diz isso e sai, voltando em seguida com uma espécie de soro, mas ela explica que é a medicação para tentar diminuir a dor da minha pequena, estava me doendo tanto vê - la chorar daquela forma


Dr Marcos - Dulce, agora a corrida é contra o tempo, temos que achar doadores de medula compatíveis e também provavelmente doadores de fígado o mais rápido possível, se encontrarmos pelo menos o doador de fígado, faremos o transplante e depois iniciaremos a quimioterapia, já colocamos a Giovanna na lista de quem precisa de doadores de medula, mas a espera é grande, se encontrarmos alguém próximo é mais rápido.


Dulce - Eu posso doar o meu fígado se for preciso


Dr Marcos - Vamos fazer o teste em você. Agora pouco a Maite fez o teste de compatibilidade de medula e também de fígado, ela sendo compatível com um dos dois ou os dois, faremos o processo o mais rápido possível.


Eu estava sentada ao lado da minha bebê, não sei o que fazer, me sinto perdida e inútil, só queria que tudo não passasse de um pesadelo ou que a dor da minha filha passasse para mim, ela agora dormia tranquilamente devido ao remédio e eu não queria sair de perto dela, mas tive uma ideia, então peguei meu celular e fiz uma ligação


Ligação on /


XX - Alô quem é?


Dulce - Sou eu Dulce, eu preciso da sua ajuda


XX - Dulce? Não conheço nenhuma Dulce!


Dulce - Pai por favor me ouve - já chorando


Fernando - O que você quer?


Dulce - Eu tenho uma filha, ela está muito doente, tem leucemia e... - ele me interrompe


Fernando - E eu com isso? Eu não tô nem aí pra você e essa bastarda, por favor não me ligue mais e não me chame de pai! - desligando


Ligação off /


Agora eu tenho a total certeza de que nasci pra ser sozinha, quer dizer tenho a Anny, Poncho e a Mai a quem sou grata, mas fora elas eu não tenho mais ninguém, e me dói mais ainda saber é que minha filha também não tem ninguém. Segurei em sua maozinha e fiquei acarinhando, não percebi quando Mai entrou no quarto e veio em minha direção


Maite - Oi Dul


Ela estava sem jaleco, provavelmente não estava de plantão então estava lá de visita


Dulce - Oi Mai - voz falhando


Ela arrasta a poltrona para próxima de mim, se senta e me puxa para abraça - la, percebi que ela segurava o choro, queria evitar chorar na minha frente.


Maite - Dul, os resultados dos meus exames saíram


Dulce - Eai o que deu? - abraçada com ela


Maite - É bom e ruim.. Felizmente para o fígado eu serei compatível e poderei doar, mas a medula não.


Isso deveria ser bom ou ruim? Bom porque minha bebê teria um fígado novo e as chances dela voltar a comer normal aumentariam, mas e o câncer, quem será compatível com ela meu Deus?


Dulce - Pelo menos uma parte da notícia é um pouco boa, né?


Maite - Sim, mas temos que continuar procurando o doador de medula, não podemos desistir fácil - sorri de canto


Dulce - Eu me sinto inútil Mai, não sei mais a quem recorrer, liguei até para os meus pais, porém eles não querem saber de mim e da bebê, estou perdida - mordendo os beiços


Assim que eu falei isso, pude ouvir a porta de abrir


XX - E eu, será que tem chances de eu ser compativel?



Compartilhe este capítulo:

Autor(a): rbd_ficsvondy

Este autor(a) escreve mais 2 Fanfics, você gostaria de conhecê-las?

+ Fanfics do autor(a)
- Links Patrocinados -
Prévia do próximo capítulo

Dulce Maria Em meio a tanto caos, eu pude sentir um pouco de felicidade, meu melhor ex namorado, meu amigo, meu confidente estava ali, perto de mim e era disso que a Gih estava precisando: pessoas que realmente querem ela bem, próximas a ela. Maite - Poncho, que bom que você chegou - sorrindo Eu nada falei, simplesmente me levantei, corri até ele e ...


  |  

Comentários do Capítulo:

Comentários da Fanfic 19



Para comentar, você deve estar logado no site.

  • Katherine Postado em 15/04/2021 - 09:18:14

    Abandonooouuuu?????????

    • rbd_ficsvondy Postado em 03/05/2021 - 19:23:51

      Voltei hoje, mil desculpas

  • aucker Postado em 26/01/2021 - 05:10:32

    Já tô seguindo lá <3

    • rbd_ficsvondy Postado em 26/01/2021 - 23:25:08

      Obaaa! Espero que goste &#10084;&#65039; Se quiser, la é melhor para acompanhar as Fanfics, aqui eu só reposto e as vezes esqueço kkk

  • maria123 Postado em 20/01/2021 - 14:56:51

    Oiê!! Nova leitora Finalmente o Ucker descobriu a verdade, mas sinceramente ... mesmo q a criança não fosse filha dele, mesmo q a Dulce tivesse dormido com outro, o Ucker não podia desejar a morte da bebê, é uma CRIANÇA INOCENTE e q não tem culpa de nada. Tomara q ele pague por tudo q fez e principalmente por falar mal e desejar coisas ruins para um bebezinho inocente ... Bom, ele já tá começando a pagar. Continua

    • gisellyi Postado em 23/01/2021 - 15:29:41

      Olá estou escrevendo uma fanfic , vondy se quiser ler E compartilhar com os amigos agradeço , comenta também . O nome é Corazón Partío

  • Katherine Postado em 18/01/2021 - 12:40:47

    aiii senhoor, posta maaaaaaaais

  • Katherine Postado em 14/01/2021 - 07:43:18

    Posta maaaaaaais

    • rbd_ficsvondy Postado em 16/01/2021 - 01:04:25

      Amanhã prometo que posto mais &#128149;

  • aucker Postado em 07/01/2021 - 23:27:44

    A história ta ficando interessante. Eu já disse que odeio o Ucker?

    • rbd_ficsvondy Postado em 16/01/2021 - 01:05:28

      Já kkkk e eu confesso que odiei e chorei tanto com ele nesses capítulos... Amanhã tem mais

  • aucker Postado em 07/01/2021 - 22:36:47

    Criando ranço desse Ucker em 3,2,1 ...

  • aucker Postado em 07/01/2021 - 22:21:34

    Leitora nova ...

  • Katherine Postado em 05/01/2021 - 17:29:00

    posta maaaaaiiss AAAAAAAAAAAA

    • rbd_ficsvondy Postado em 05/01/2021 - 21:06:41

      Vou postar mais um agora kkkk

  • Katherine Postado em 04/01/2021 - 21:55:59

    Posta outroooo

    • rbd_ficsvondy Postado em 04/01/2021 - 22:15:36

      Obaaa vou postar já Ja


- Links Patrocinados -

Nossas redes sociais