Fanfics Brasil - Poderes ao máximo! O mais forte dos herdeiros saiyajins! Dragon Ball GT Kai

Fanfic: Dragon Ball GT Kai | Tema: Dragon Ball


Capítulo: Poderes ao máximo! O mais forte dos herdeiros saiyajins!

48 visualizações Denunciar



O som de cada choque ressonava aos impactos no céu da arena do Torneio de Artes Marciais, a plateia jazia boquiaberta enxergando apenas flashes de luz deixados para trás pelos amigos saiyajins, lutando a uma intensidade fora do comum.
Goten bloqueara o soco de seu oponente com o joelho esquerdo, já balançando aquela perna para chutá-lo. Trunks segurou o chute com seu braço direito e girou para usá-lo em uma cotovelada, mas o filho de Goku deixou apenas sua imagem intangível para trás em um movimento rápido de esquiva. Ele se virou rapidamente, conseguindo bloquear a cabeçada de Goten, que havia se lançado como um míssil ao surgir por trás, com os dois braços. O irmão de Gohan tentou então socá-lo com a direita, mas Trunks se esquivou para o lado e girando, levantou a perna para um chute em trezentos e sessenta graus. Goten se esquivou, movendo seu corpo para cima e contra-atacou juntando as mãos para um golpe de marreta que acabou bem sucedido. Lançado em diagonal, o herdeiro do Príncipe dos Saiyajins acabou afundando os pés no chão da plataforma, pois resistiu ao impacto do golpe e vendo que seu oponente tinha descido estava vindo na sua direção em linha reta ao nível do solo, tomou impulso para uma investida de ombro, a qual Goten bloqueou cruzando os braços em forma de xis, sendo lançado para longe e deslizando sobre os blocos danificados do ringue. Trunks aproveitou a oportunidade para concentrar ki em suas duas mãos, juntando-as em uma rajada contínua de energia dourada.
— Daaah!
Goten só a viu no último instante ao abaixar os braços, mas conseguiu saltar a tempo, já posicionando as mãos juntas ao lado do corpo.
— HA! - ele formou uma esfera de energia azul e contra-atacou rapidamente com um Kamehameha que pareceu atingir Trunks em cheio em uma explosão no chão da plataforma.
Entretanto, seu rival surgiu em sua frente tendo de bloquear seu soco com a palma da mão no último instante, dando início a uma nova troca de golpes em alta velocidade. Aquela estava se provando ser uma luta muito parelha entre dois Super Saiyajins mestiços.
— Muito bem Trunks, mostra para o Tio Goten quem é que manda! - gritou Pan enquanto torcia dando socos no ar. - Dá nele com a esquerda, depois com a direita e depois um...
— Não deixa ele te vencer Goten! - exclamou Marron.
— Muito bem rapazes, continuem assim! - bradou Goku.
— Os dois estão muito motivados, não dá para saber quem vai vencer. - comentou Kyabe.
— É por isso que essa luta é tão incrível! - completou Uub. - Sabe Kyabe, me disseram que no seu universo tem muitos saiyajins e que vocês saem por aí combatendo os caras malvados, verdade?
— Sim, as tropas do Planeta Sadala ajudam a manter a paz no Universo 6. Eu era muito jovem quando ingressei, hoje estou mais velho e subi de patente, mas acho que me esqueci de amadurecer porque as pessoas ainda me veem como um garoto prodígio.
— Isso é demais, deve ter conhecido muita gente forte por aí, com certeza já esteve em muitos combates como esse!
— Mais ou menos. Eu já enfrentei muitas ameaças poderosas, mas nunca nenhuma luta me deixou tão motivado quanto Goten e Trunks estão.
— Quem sabe você não encontra essa motivação aqui no Universo 7, tem muitos caras fortes por aqui também!
Uub sorriu a exemplo de seu mestre e Kyabe apenas o observava com uma feição interrogativa, dava para notar que o jovem terráqueo amava lutar apenas por seu jeito de ser, talvez amasse lutar mais do que ele próprio, que era um saiyajin que sempre agiu mais pela razão do que pelos instintos. Fato é que Uub ainda era um adolescente e ele já era um jovem adulto, apesar de não aparentar, talvez fosse por isso que o discípulo de Son Goku tinha toda aquela animação a mais que ele não possuía quando tinha a mesma idade.
Goten e Trunks continuavam a lutar equiparadamente, o primeiro conseguiu encaixar um soco de direita, mas girando em volta um do outro, recebeu outro soco igual por parte do segundo, que conseguiu combinar com um chute de perna direita que lançou o filho de Goku para longe. Goten pairou no ar e se esquivou para sua esquerda quando viu seu oponente chegando para um terceiro golpe, deixando-o passar. Ele então ergueu a perna e desferiu um pisão em suas costas, o lançando para baixo ao mesmo tempo em que tomou impulso para subir ainda mais alto. Trunks conseguiu apoiar as mãos no chão e em um salto mortal, ficou em pé novamente, depois olhou para o céu e viu um brilho amarelo próximo das nuvens, sabia exatamente o que o seu amigo iria fazer.
— Isso não vai funcionar Goten. - ele disse com um sorriso no rosto.
— Contra-ataque! - ele mergulhou no ar como um torpedo, brilhando na aura do Super Saiyajin.
— Seu filho deve ser muito estúpido Kakarotto. - disse Vegeta. - Só um imbecil tentaria de novo contra o mesmo oponente uma estratégia que não deu certo.
— Eu já vi isso antes senhoras e senhores, o participante Goten vem com tudo para atacar seu adversário! Será que o participante Trunks vai se esquivar e vencer o combate como foi na final da Categoria Infantil?
Ao ver que seu oponente realmente iria fazer aquilo, Trunks ficou pensativo consigo mesmo:
— (Ele vai me atacar como daquela vez, mas não creio que o Goten seria tão ingênuo de tentar de novo um movimento que eu já conheço.) - ele fechou os olhos, refletindo em um rápido treinamento mental. - (Deixe-me ver, se eu ficar parado, ir ao encontro dele ou tentar derrubá-lo com o meu ki, ele vai desviar e o golpe vai me acertar com tanta força que eu vou acabar nocauteado. A melhor opção ainda é me esquivar como da outra vez, só que aí ele vai usar um pouco de ki para mudar a trajetória de voo para horizontal e tentará me acertar nas costas com uma cabeçada, eu não terei como me esquivar a tempo e o impacto vai me jogar para fora da plataforma. É isso! Daquela vez, eu tirei proveito do Super Saiyajin para desviar, mas agora nós dois estamos transformados, ele não espera que eu consiga me esquivar desta vez! Parece que eu saquei o seu jogo Goten...)
Trunks abriu os olhos e voltou a sorrir com o olhar fixo na descida de seu oponente, Goten já se preparava para impacto.
— Aqui vou eu Trunks!
— (Pode vir, eu vou usar a força gerada pela sua massa e aceleração contra você!)
Trunks evadiu e como esperado, Goten apoiou as mãos no chão e expeliu um pouco de ki. Ainda com as costas para seu oponente, o filho de Vegeta focou todo o seu ki em suas pernas e em seu punho direito, cujo qual iria usar como barreira de modo que o próprio Goten viesse contra o mesmo. Estava prestes a se virar, quando o inesperado aconteceu, Goten não fora em sua direção para uma cabeçada como previa, ao invés disso, usou o seu ki para ricochetar-se diagonalmente para cima a uma velocidade ainda maior com a qual desceu, era como se tivesse conseguido aproveitar todo o impulso da descida para ganhar uma rapidez impressionante.
— O que?!
— AAAAAAAHH!!! - Goten elevou o seu ki dourado, que eclodiu nos raios do Super Saiyajin 2.
Sem perder velocidade, fez um movimento de parábola em vertical e começou a descer de maneira rasante num voo curvo em direção a frente de seu oponente. Não houve chance de reagir, quando viu, Trunks havia recebido um potente soco na face que fez seu mundo girar no momento do impacto, o lançando para longe em um movimento ascendente.
— Genial! - exclamou Goku com Vegeta ao lado, com raiva do que via.
Goten prosseguiu seu trajeto e mantendo a velocidade, acompanhou Trunks, que cruzava a arena como um torpedo depois de seu golpe. Eis então que chegando perto, posicionando-se acima de seu corpo, o filho de Goku juntou as mãos para um golpe de marreta.
— Eu venci!
— Gwaah! - cuspindo sangue, Trunks sentiu uma tremenda dor no estômago, onde o golpe havia acertado. Ele agora rumava a cair com força para fora da plataforma, no gramado. - Não... HAAAAH!!!
Trunks usou seus últimos reflexos para transformar seu ki em um domo de energia, que explodiu ao expandir-se para evitar seu contato com o chão. Seu corpo chamuscado fora lançado pelos ares elasticamente em meio à poeira e depois caiu de bruços no chão, junto à beirada da plataforma, ainda estava no jogo, apesar do fato de ter voltado ao normal.
— Mas que movimento sensacional do participante Goten, não deu nem para acompanhar! O participante Trunks por pouco não é derrotado, mas conseguiu sobreviver graças a uma medida desesperada. Será que ele vai se levantar?
— Poxa... - Goten coçou a nuca decepcionado. - Parece que, no final, você ainda conseguiu ser o mais esperto, não é Trunks? Trunks?
Curioso e ainda transformado, Goten desceu em direção ao chão e aterrissou, inevitavelmente, o Narrador teve de iniciar a contagem.
— Mandou muito bem Goten! - exclamou Marron.
— Mas o que é que é isso Trunks?! Levanta logo, seu frouxo!
— Calma Vegeta, foi um ótimo golpe do Goten, mas a luta não acabou ainda.
— Fica quieto Kakarotto, não pense que seu filho vai vencer por causa de um golpe de sorte!
— Na verdade, ele foi muito esperto, pois achou um jeito de aproveitar toda a velocidade que ganhou ao descer para voar muito mais rápido por um curto período de tempo! - comentou Uub, que estava fascinado. - Parece que o Goten tem por quem puxar, não é mesmo Mestre Goku?
— Heheheh...
— Cala a boca você também Uub!
— Nossa, o senhor é muito mal humorado Senhor Vegeta.
— Não fale com o meu irmão Uub desse jeito! - Buu se meteu na conversa ao se colocar entre Vegeta e Uub.
— Eu falo com ele como eu bem entender, seu verme balofo!
Vegeta e Buu cresceram cabeças e se encararam em uma cena cômica, soltando raios pelos olhos enquanto Uub ficou só assistindo com uma expressão interrogativa.
— Mestre... - Kyabe estava tão abobalhado quanto Uub ao assistir aquela cena.

Nas arquibancadas, havia preocupação quanto ao estado do saiyajin:
— Será que o Trunks está bem? - perguntou Mai.
— Sinais vitais normais, Gill, Gill! - respondeu Gill.
— Então por que ele não se levanta?
— Quatro, cinco... - o Narrador fazia a contagem, quando o saiyajin começou a se mexer.
— Pronto, lá está, seu namoradinho está bem! - disse Pilaf.
— Vem cá, por que vocês implicam tanto comigo e com o Trunks?
— Porque desde que vocês começaram a namorar, o chefe eu temos trabalhado feito cachorros enquanto você fica numa boa. - respondeu Shu.
— Estou à frente do escritório da Corporação Cápsula desde o último ano, eu trabalho mais do que vocês dois juntos, seus folgados! - Mai ergueu Shu pelo colarinho.
— Desculpe Senhora Chefe Patroa Mai, eu não faço mais, mas, por favor, não me bata!
— Vamos deixar ela em paz Shu, afinal de contas, o relacionamento deles será o primeiro passo!
— Primeiro passo? - Mai e Shu perguntaram em uníssono.
— Assim que eles se casarem, terão muitos filhos e todos serão tão fortes quanto o pai. Nós vamos educá-los para nos servir e dentro de alguns anos, eles nos darão o poder que precisamos para dominar o mundo!
— Oh, essa é uma ótima ideia chefe! - disse Shu, pouco antes de receber um soco de Mai no topo da cabeça.
— Corta essa Senhor Pilaf! - exclamou Mai, irritada e também envergonhada.
— E por quê? Esse é um ótimo plano não?
— Gill? - no ombro de Mai, ele chamou a atenção para si.
— Oh não, essa máquina escutou tudo! Não posso deixar que revele a minha grandiosa ideia, tenho que te desmontar!
— Gill!
— Venha aqui agora, não fuja do Grande Pilaf!
Pilaf começou a perseguir Gill, atropelando todo mundo que estava na arquibancada. Com Shu ao seu lado de pernas para o ar e com a cabeça afundada no concreto, Mai apenas suspirou com vergonha alheia:
— Ah, Senhor Pilaf...

Trunks estava novamente em pé, limpando o sangue em seu rosto com o braço.
— Não acredito que tive de causar dano em mim mesmo para não perder. Tenho que admitir, isso foi impressionante, você está começando a se parecer com o Uub e com o Senhor Goku.
— Heheh, valeu Trunks! - falou coçando o nariz com o dedo indicador. - Acho que devo isso ao treinamento com o meu pai!
— Vejo também que está controlando bem o poder do seu Super Saiyajin Dois.
— Sim, ele agora está mais forte do que nunca!
— Eu também treinei muito, acabei deixando você me passar e estava disposto a voltar a ser o mais forte entre nós dois. Já imaginava que estaria ainda melhor do que já estava, mas você superou minhas expectativas.
— Eu te disse que desta vez não ia deixar você ganhar de mim!
— Compreendo, mas nossa luta ainda não acabou!
Trunks se transformou em Super Saiyajin novamente e se pôs em posição de combate, Goten sorriu e esperou pelo próximo movimento de seu oponente. Ele avançou com uma combinação de golpes em alta velocidade, deixando Son Goten na defensiva. Bloqueou o soco de direita com o braço direito, o chute de esquerda com o joelho direito, mas acabou atingido pelo punho esquerdo de Trunks. Entretanto, conseguiu recuperar-se do golpe rapidamente, girando o corpo para desferir um soco mais forte com as costas do punho, afastando seu oponente e Goten então continuou com uma combinação de socos que terminaram com um gancho no queixo que o jogou para cima, terminando por saltar para uma voadora ascendente no estômago. Mesmo com a dor, Trunks decidiu aproveitar a oportunidade para segurar-lhe a perna e lançá-lo para o outro lado em direção a grama, já estendendo as mãos para frente a seguir, depois de movimentá-las rapidamente.
— Burning Attack!
Uma grande esfera amarela de energia foi descendo até Goten que sorrindo a segurou com as mãos ao pairar no ar depois da beirada da plataforma, com as costas a meio metro do chão e ao mandar uma pulsação invisível de ki, repeliu o ataque de volta em direção ao seu agressor. Trunks amenizou o impacto da explosão ao cruzar os braços em forma de xis e fora lançado para trás, foi quando Goten apareceu agarrando seu pescoço por trás em uma chave de braço.
— Peça penico!
— Como é? - Trunks perguntou enquanto era asfixiado.
— Brincadeirinha!
Goten lhe deferiu uma joelhada nas costas ao mesmo tempo em que o soltou e depois juntou as mãos para outro golpe marreta, o jogando em linha reta com as costas no chão da arena, onde se formou uma cratera. Ele então flutuou e deu a volta antes de descer ao chão para esperar Trunks se levantar outra vez.
— Parece que o participante Goten está com o controle da luta e está dando uma surra no participante Trunks! Ainda bem que eu não estou no lugar dele, pois Goten parece que vai fazê-lo de saco de pancadas...
— Argh... - Trunks começou a se levantar depois do baque.
— E então Trunks, não vai se render?
— Me render? E por quê?
— Bem, porque eu entendi que você ia dar um jeito de me derrotar, mas está tomando uma surra. Eu tenho o Super Saiyajin Dois e você só o Super Saiyajin comum, sei que deve ter treinado muito, mas estou o dobro mais forte do que você por causa disso e desse jeito não tem como você me vencer!
— Ah, então você acredita que já me venceu, é isso Goten? - ele perguntou com um sorriso sarcástico.
— Não queria colocar dessa forma, mas... - Goten coçava a nuca, desconsertado.
Foi então que Trunks gritou, soltando a aura do Super Saiyajin e depois disso, seu poder explodiu em raios e seus cabelos ficaram mais pontiagudos, sem as franjas na frente da testa, o que surpreendeu a muitos.
— Parece que o participante Trunks acaba de subir de nível, isso vai ficar bom!
— Fala sério... - Goten estava com os olhos arregalados e com cara de bobo.
— E então, gostou?
— Quer dizer que... você aprendeu a se transformar em Super Saiyajin Dois também?
— É isso aí!
— E por que não se transformou antes? Eu agora estou com cara de idiota!
— Hahahahahah... Queria primeiro que você achasse que a luta estava ganha, achei que seria hilário e de fato, foi hilário!
— Você é muito imaturo Trunks!
— Não, você é que é por achar que já tinha vencido! Hahahah... A verdade é que não é mais meu estilo ficar segurando o jogo, mas decidi abrir uma exceção com você, pelos velhos tempos!
— Nheh, obrigado... - disse Goten, com a cara perplexa e inanimada.
— Hahah... Vamos terminar essa luta então, lutando com todas as nossas forças!
— Sim! Apesar de tudo, eu ficaria muito triste se você não tivesse me alcançado e eu vencesse com grande vantagem. Como diria o meu pai, estou muito excitado!
Envoltos nas auras faiscantes dos seus Super Saiyajin 2, ambos se colocaram em posição outra vez. Conhecendo o fato do Trunks crescido gostar de resolver as coisas rapidamente como seu eu do futuro, Goten sabia que aquela seria a investida final e estava pronto para dar tudo de si.
Um foi na direção do outro mais uma vez, seus punhos se chocaram, despedaçando todo o ringue com o impacto e desaparecendo começaram a se mover pelos ares em alta velocidade, deixando apenas ondas de impacto e flashes de luz a cada movimento. Goten desferiu um soco com a direita que fora bloqueado com a palma da mão direita, Trunks tentou revidar com um golpe idêntico ao girarem em volta um do outro e seu oponente bloqueou de igual modo. Eles voaram pelo céu diagonalmente em espiral e suas auras explodiram ao atravessarem seus punhos para lados opostos. Os saiyajins se viraram novamente e deram início a uma nova troca de golpes em alta velocidade, batendo parelhamente, ambos bloqueavam, desferiam e recebiam golpes alternados de maneira igual, a equiparação entre seus poderes havia retornado. O público sequer podia acompanhá-los, mas estava em êxtase com aquela batalha!
Trunks recebeu um soco de esquerda na face e ao bloquear o segundo soco, contragolpeou com um chute na cabeça. Seu soco de esquerda então foi esquivado e acabou por ser punido com uma canelada nas costas. O herdeiro de Vegeta então girou para sua esquerda, tentando uma cotovelada e um chute com a perna direita, o filho de Goku segurou tanto o primeiro quanto o segundo golpe, com a diferença de que o segundo o afastou, abrindo sua guarda. Trunks então abriu os braços, envolvendo seu corpo em energia amarela.
— Aqui vou eu Goten! Resplendor Final!
Aquele grande ataque de energia lhe atingiu direto no peito, vindo com tudo para empurrá-lo. Mesmo sendo engolido por tamanho poder, Goten não estava disposto a se entregar.
— Eu não vou perder pra você Trunks! - ele posicionou as mãos junto à testa. - Masenko!
Estendendo as mãos para dentro da energia de Trunks, Goten disparou seu ataque, pairando no ar. Mesmo sendo uma técnica inferior, o Masenko começou a empurrar o Resplendor Final de volta em uma velocidade impressionante. Honrando o nome de seu pai e de seu irmão, Goten forçou seus poderes além do limite fazendo suas veias e artérias saltarem, Trunks se viu obrigado a tirar o pé, cancelando seu ataque a tempo para desviar no último instante e vendo seu oponente com a guarda aberta, decidiu aproveitar a oportunidade para aparecer atrás dele em um instante, com as mãos levantadas.
— Finish Buster!
A grande esfera de energia dourada nas costas foi certeira, empurrando Goten a explodir fora da plataforma. Quando a luz se apagou, lá estava ele caído de bruços sobre a cratera formada pelo impacto.
— Está fora! O vencedor é o participante Trunks!
O público mais uma vez se animou, a torcida de Goten estava cabisbaixa, enquanto a de Trunks comemorava.
— Goten... - Chi-Chi estava triste.
— Mandou bem Trunks! - gritou Bulma.
— É isso aí irmão! - Bra exclamou de igual modo.
Na sala de espera, a situação era a mesma.
— Hahahahahah! Eu não disse Kakarotto?!
— É, parece o Trunks venceu de novo... - Goku comentou ao coçar a testa com o dedo indicador.
Marron saiu correndo na hora, Uub e Pan também deixaram os demais em seguida. Exausto, Trunks voltava ao normal enquanto descia até o chão da plataforma cheia de danos.
— Goten? Goten?! Você está bem Goten?
— Marron? - Goten desviou a cabeça para olhá-la ao seu lado, abaixada para ver se ele estava bem. - Me desculpe, eu não pude vencer...
— Está tudo bem. - ela disse enquanto ele se virava para ficar sentado. - Você pode ter perdido, mas perdeu dando tudo de si, tenho orgulho de você.
— Obrigado Marron.
Ela sorriu e aproximou o rosto para lhe dar um selinho em seus lábios e depois o ajudou a se levantar, Goten já se sentia bem melhor na companhia de sua amada, oferecendo o ombro dela como apoio. Nisso, Trunks se aproximou deles, enquanto Uub e Pan também chegaram.
— Você foi fabuloso Trunks, meus parabéns!
— Agradeço seu elogio Pan.
— Você também foi Tio Goten, mas eu sabia que você ia perder no final!
— Desse jeito você me anima demais... - ele sorriu, fazendo sua sobrinha rir.
— Essa luta de vocês foi incrível, eu não conseguia nem piscar!
— Valeu Uub! - ele olhou para seu melhor amigo. - É Trunks, parece que você é o mais forte entre nós dois outra vez.
— Sinceramente, acho que eu dei sorte, se aquele Masenko tivesse me acertado, com certeza eu teria perdido.
— Acho que vocês estão equiparados, qualquer um poderia ter vencido. - comentou Uub. - Os dois evoluíram muito, por isso vou ter que treinar ainda mais para não deixar que me alcancem!
— Claro, pois nós também vamos continuar treinando, não é Goten?
— Com certeza!
Em assim, em meio a sorrisos, a excitante luta entre Goten e Trunks terminou. Kyabe já se preparava para seu confronto contra Animalia e além dele, em silêncio, Rejick aguardava pela sua vez na última luta contra a menina Pan. O 30º Torneio de Artes Marciais continua...



Compartilhe este capítulo:

Autor(a): fagnerlsantos

Esta é a unica Fanfic escrita por este autor(a).

- Links Patrocinados -
Prévia do próximo capítulo

ALGUNS MINUTOS ANTES...Goten e Trunks retornavam para a sala de espera dos lutadores na companhia de seus amigos.— Eu sinto muito papai, não consegui vencer.Goku colocou a mão no ombro de seu filho cabisbaixo e disse:— Não fique assim Goten, você lutou muito bem. E você também Trunks, estou orgulhoso de vocês dois p ...


  |  

Comentários do Capítulo:

Comentários da Fanfic 0



Para comentar, você deve estar logado no site.


- Links Patrocinados -

Nossas redes sociais