Fanfics Brasil - Capítulo 08 No Pares (Vondy)

Fanfic: No Pares (Vondy) | Tema: RBD


Capítulo: Capítulo 08

116 visualizações Denunciar


Abri as pálpebras bem lentamente, imaginando que Christopher estaria a quilômetros de distância, entretanto, o rapaz me encarava confuso, as sobrancelhas franzidas e os lábios abertos denunciavam sua perplexidade.


― Você... ― Ele fez uma careta, engolindo a saliva como se ingerisse algo azedo.

Eu tentei formular uma explicação decente na minha mente, porém Alfonso apareceu, tornando a situação ainda mais complicada. O garoto passou os braços ao redor dos meus ombros, exibindo um sorriso de orelha a orelha.


― Namorando esse cara? ― Ucker explodiu. ― Você nem o conhece direito!


― Ih, qual foi ― Poncho respondeu. ―, agora virou o pai dela, é?


― E se for, qual o problema? A gente se beijou... Aliás, você não pode falar nada. ― Olhei irritada para o Christopher, sentindo meu coração disparar. Ai Deus, nunca pensei que bateria boca no pátio do colégio! ― Ficando com a Talita? ― Cruzei o braço ao fitá-lo.


― Quem te disse isso? ― A expressão do garoto mudou, tomando um ar de surpresa.


― Eu mesma vi quando fui te procurar para agradecer pela dica. ― Como ele não negou, só me deixou ainda mais indignada. ― Ela também é uma garota especial? ― brandei, fixando o olhar nele.

Ucker pareceu desconcertado, talvez pelo fato de ter repetido o que ele declarou na festa da Júlia, algo que eu achei que era só para mim. Um gritinho zangado escapou pela minha garganta, cansada dessa discussão, saí de perto do rapaz batendo o pé pelo caminho. Ao entrar na sala vazia, relaxei os músculos, não acreditando que o caos havia se multiplicado como uma praga! Escutei um barulho de passos atrás de mim, virando o corpo, observei Alfonso parar no batente da porta.


― Por que você me pediu em namoro? Bateu a cabeça na quina da mesa?


― Achei que isso era o certo a se fazer... ― ele comentou como se fosse óbvio. ― Pensei que seu desinteresse tinha a ver com a sua timidez, mas, pelo visto, me enganei.

Permaneci calada, não queria correr o risco da dopamina afetar ainda mais a minha função cognitiva, pois tomar decisões claras ultimamente estava sendo difícil.


― Então, gatinha, podemos aproveitar a oportunidade para sermos úteis um para o outro. Que tal uma nova proposta? ― Eu o encarei sem compreender aonde chegaríamos com isso. ― Eu te ajudo a conquistar o garoto do terceirão e você faz as minhas lições.


― E se eu não aceitar?


― É sua única chance de conseguir ficar com o cara, vai por mim ― afirmou de uma forma convicta.

Sei não, refleti balançando a cabeça.


― E essa "ajuda" seria em qual sentido?


― Deixamos ele imaginar que estamos namorando. ― Poncho sorriu de uma forma travessa.


― Isso não parece adequado...


― Melhor tentar do que se arrepender depois, né. ― Ele caminhou até a sua mesa, acomodando-se. ― Pensa a respeito e me fala o que decidiu.

De repente o barulho de vozes se aproximando chamou a minha atenção enquanto sua última frase ecoava na minha mente.


― Ah, os pombinhos estão aqui ― Maitê disse quando nos avistou. ― Que novidade é essa? ― Seus olhos pousaram em mim.


― Mais tarde, eu conto. ― Encolhi os ombros indo para o meu lugar, no instante em que o sinal tocou.



***



Júlia pintava as unhas dos pés concentrada, vez ou outra, eu a fitava com o estômago revirado sentindo-me mal por nunca revelar a paixão secreta pelo seu primo, e agora as coisas pareciam piores nessa bola de neve adolescente!


― Então, você aceitou ou não? ― Borrei o esmalte no meu dedo por causa de sua pergunta.


― Não acho certo enganá-lo desse jeito, ainda não dei uma resposta. ― Arregalei os olhos, minha ficha caiu, ela não se referia a ideia desvairada do Poncho, mas sim ao pedido de namoro.


― Você tá apaixonada por outro? ― Júlia parou o que estava fazendo para me encarar interessada.


― Desde que aprendeu a falar ― Maitê retrucou baixinho e eu reprovei a atitude, cutucando sua cintura, já que ela se encontrava do meu lado.


― É melhor esquecer esse assunto ― declarei entre dentes. ― Até porque sou invisível para os garotos, tirando o desmiolado do Alfonso. ― Suspirei cansada.


― Podemos resolver isso em dois toques ― Júlia tampou seu esmalte cor de rosa e abanou as mãos em frente dos pés.


― Você está sugerindo o que eu tô pensando? ― Mai perguntou animada.


― Exatamente! ― a garota concordou. ― Uma transformaçãozinha de visual para chamar atenção do rapaz.


― Transformaçãozinha? ― repeti hesitante e ela apontou para uma folha da revista Atrevida que falava sobre mudar a aparência.


― Você tem papel crepom? ― Júlia me olhou ansiosa ao mesmo tempo que eu negava com a cabeça.


― Eu tenho! ― A morena se levantou em um pulo. ― Vou buscar lá em casa.

Logo após a sua saída, houve uma quietude, eu terminava de limpar os borrados da minha unha quando escutei a voz da minha amiga nos tirar do remanso.


― Acho que essa transformaçãozinha será importante pra você, Dul. Talvez se você ganhar mais confiança em si mesma, possa se inscrever em outra seleção de modelos...


― Já desisti disso, não tenho vocação. ― ela protestou com a resposta. ― É verdade, além do mais, não tenho altura para participar. Eles não escolhem só pelas fotos, você sabe.

Ainda criança, minha mãe resolveu fazer alguns ensaios fotográficos comigo, eu adorava os momentos descontraídos em frente às câmeras, pois eu podia pular e bagunçar sem levar bronca. Então, alguns anos atrás, insisti para os meus pais me inscreverem em uma seleção de modelos na Capital, mas foi um completo desastre! Para começar, as discussões intermináveis dos dois durante todo o trajeto sobrou até para mim, meu pai reclamando por ter que nos levar, eu deveria estar acostumada com isso, era impossível ter um passeio em família. No meio do caminho, já pensava em voltar para casa, aliás, comecei a me questionar se valeria mesmo a pena participar da seleção. Para evitar mais desentendimentos, fiquei horas na fila aguardando a minha vez. Quando finalmente chegou, logo me eliminaram por não possuir altura, nem o peso ideal.


― Todo mundo começa de algum lugar, assim você já adquire experiência.


― Júlia, deixa esse assunto pra lá ― mencionei triste.


― Ok... mas, a transformaçãozinha ainda tá de pé? ― Seu tom de voz saiu em dúvida.


― Sim, só que sem exageros, hein!


― Ótimo, esse garoto vai se arrepender de não ter te notado antes ― ela comentou brava.

Meu estômago se revirou outra vez, ela não diria isso se soubesse quem era, por sorte minha amiga estava mais interessada na mudança de visual do que na identidade do rapaz. Mesmo assim, soltei um suspiro aliviado ao avistar Maitê trazendo o papel crepom.


― Diga adeus para essa Dulce.

Tão exagerada, era apenas o cabelo que ganharia uma transformação, não a minha personalidade, certo? 




Todo mundo querendo ajudar a Dul, será que vai dar certo, Aninha, pelo menos uma delas? kkk 

Gente, quem mais tá acompanhando a fic? Dá um Up para eu saber... 



Compartilhe este capítulo:

Autor(a): Diva. Escritora

Este autor(a) escreve mais 11 Fanfics, você gostaria de conhecê-las?

+ Fanfics do autor(a)
- Links Patrocinados -



Loading...

Autor(a) ainda não publicou o próximo capítulo



Comentários do Capítulo:

Comentários da Fanfic 10



Para comentar, você deve estar logado no site.

  • Srta Vondy ♥ Postado em 25/04/2024 - 00:08:18

    Que bom que a Dul conseguiu se apresentar, aos poucos vai se soltar mais e mais, a pior coisa é um medo te travar de fazer algo, torcendo p ela superar toda essa situação Mas como sempre (já que tu não dá descanso nas tuas histórias) já fez o coraçãozinho da Dul se partir um pouco, de onde saiu essa vadia da Talita ? Meu Deus, tu não viu que tá sobrando linda ? Já passou da hora de vazar (apesar que eu acho que vai demorar um pouco ainda p isso acontecer) Será que vai rolar esse '' experimento '' com o Poncho mesmo ? A Dul vai usá-lo p fazer surgir um interesse no Christopher ou na hora ela vai se acorvadar e sair correndo ? Se rolar o beijo, o Christopher vai ver ? Raiai, o próximo capítulo promete kkkkkkkk Até o próximo dona Lili, beijinhos e continuaaaaa <3

    • Diva. Escritora Postado em 02/05/2024 - 19:31:44

      Ai também fiquei feliz que ela se apresentou <3 tenho fé que um dia ela vai conseguir se livrar desse medo. É verdade, a pior coisa é você ficar (presa) refém do medo, estou torcendo aqui junto com você : ) É, então dá uma movimentada (emoji de linguinha) porque a vida é assim de altos e baixos... Saiu de alguma buraco ai kkk Será que vai demorar? Vamos ver as cenas dos próximos capítulos, eu acho que tinha que vazar também mas - a história às vezes cria vida própria - kkk Ixi e agora? Esse experimento, ela tava decidida, logo saberemos hehe Aaah daí isso eu vou deixar você ler para descobrir (emoji tapando a boca) Olha vai acontecer duas situações que você falou só que meio ao contrário kkk Promete sim, beijos Aninha!! Ps: Soocorro o site tava of, mas vou postar daqui a pouquinho!!

  • Srta Vondy ♥ Postado em 21/04/2024 - 22:26:20

    Que capítulo mais perfeito, meu Deus do céu, p melhorar só eles se pegando kkkkkkk nossa que fofinho esse capítulo Eu acho que no caso da Dul vai além da timidez, essa situação com os pais dela a torna ainda mais reclusa, não só tímida, pelo capítulo entendi que os pais ou um deles tbm grita c ela e não só entre si, mas tbm sinto que tem algo a mais pra ela ser assim ou eu tô ficando dodói da cabeça? Sinto que o Uckermann vai ser essencial p ela se libertar e ser mais ela, ainda tímida mas não medrosa, ela precisa de uma pitada do destempero da Cat kkkkkkk Será que o Christopher vai aparecer nessa apresentação desse trabalho ? E como assim as amigas ainda não vão se afastar dela como você falou na resposta do comentário anterior ? Até a Maitê ? Por qual motivo ? (Sei que terei que esperar os próximos capítulos p saber mais sobre) Preciso nem dizer que estou ansiosa p o próximo, né? Continua Lilica, beijinhos e continuaaa <3

    • Diva. Escritora Postado em 22/04/2024 - 20:14:12

      Aaahh <3 foi muito perfeitinho, né... Ahaha ai vamos ver. A gente estava precisando de algo fofinho!! Sim, vai além da timidez dela, essa relação com os pais é conturbada, o que a torna mais reclusa, então você tá no caminho certo, essas brigas/gritos acaba sobrando pra ela também... É isso, não tem mais nada não, a póbi já tem muita coisa para se preocupar kkk Olha, ele meio que vai influenciar nisso sim ahaha mas as amigas também ; ) Nossa, pior que é mesmo, já pensou? Uma dava um pouco de impulsividade e a outra de mais razão, equilibraria tudo. Uma pena que Cat não tem telefone ahaha mas deixa aqui comigo que vou dar um jeito... Ah então, não sei, se ele vai aparecer, mas que a Dul irá atrás dele, irá! Por enquanto, elas não vão se afastar, não, porque você acha que elas se afastariam? (Tô achando que a gente entendeu as coisas erradas, eu entendi uma coisa e você outra). Logo eu apareço, aguente ai <3 beeijos Aninha, obrigada por comentar!!

  • Srta Vondy ♥ Postado em 17/04/2024 - 01:07:57

    Aí meu Deusss, se peguem logo e assumam que se amam pelo amor de Cristo kkkkkk Espero que role sim o ''experimento'' mas com a pessoa certa (vulgo Uckermann) deixa o gatão dos zoios verdes p lá, ele que ache outra boca p beijar kkkkkk Mulher, por que tu sempre para nas melhores partes ? Socorro, dá um nervoso surreal, vontade de roer os dedos já que as unhas são inexistentes, a cada capítulo vem uma expectativa diferente, um friozinho na barriga Então quer dizer que eles já foram próximos ? Qual foi o motivo do afastamento ? Será que vai rolar outra treta na festa e o Christopher vai defendê-la ? Acho muuuuito esquisito as meninas ''obrigarem'' a Dul permanecer na festa p o boy não ir embora, eu acho que quanto mais perto ela estiver, mas ele vai ficar a fim, não? Obviamente, não tô dizendo p elas se afastarem da Dul por conta disso A Mai obviamente já percebeu que a Dul tem um grand canyon por alguém, mas ela desconfia quem seja ? Até o próximo Lilica, beijinhos e continuaaaaaaa <3

    • Diva. Escritora Postado em 17/04/2024 - 21:06:28

      Ai tô torcendo pra isso também... vamos ver se eles nos ajudam. Ahahaha só vou confirmar que o experimento vai rolar o resto a gente vai ter que descobrir! Eita mulher kkk assim eu até tento e planejo para que fique a vontade de ler o próximo, mas nem sempre acho que consigo (bom saber < 3), não roa tudo, pelo amor de Deus! Eles cresceram foi isso que aconteceu, além das inseguranças da Dulce que começaram a ficar piores, ela ficou mais reclusa. Olha, de uma certa forma ele vai salvá-la... As meninas são adolescentes não pensam direito kkk acham que ele irá desistir de querer correr atrás dela. Pois é, concordo, ele gosta de desafio, já falou inclusive. Elas não vão se afastar agora não, por enquanto ahaha então, ela sabe quem é sim ; ) Até Aninha, beeijos ; *

  • Srta Vondy ♥ Postado em 14/04/2024 - 23:50:36

    Não sei por que mais sinto que essa Julia pode ser um problema p futuro casal, será? Acho que tem um ciúmes um pouco demais por ela e o Uckermann serem apenas primos, acho que rola sim um sentimento dela por ele Ainda tô curiosa p saber quem foi a pessoa que o Christopher brigou p defender, será que foi a Dul ? E essa insistência do Poncho, vai dá merda ? Será na festa ? Nossa, difícil esse ambiente familiar da Dul, será por isso que ela é taaao tímida? Entendo que a pessoas super tímidas, inclusive eu kkk, mas talvez por isso ela seja tão fechada assim ? Como vai rolar essa aproximação com o Christopher ? Meu Deus, ainda vou enlouquecer de tanto questionamento kkkkkkk Até a próxima semana Lili, beijinhos e continuaaa <3

    • Diva. Escritora Postado em 15/04/2024 - 21:46:28

      Ahaha será que ela vai ser? Vamos acompanhar... Bem como dizia a música das chiquititas &quot;adolescente é um bicho diferente&quot; então pode ser que role algum sentimento diferente da parte dela. Aaah essa curiosidade vale ouro hehe Dul tá na mesma que você, mortinha para descobrir quem é. Então, o que posso dizer é que a princípio ela não vai gostar, não (emoji de olhinhos) Ai o que adianto é que merda vai dar sim kkk agora se é na festa, vamos ter que esperar os capítulos... Sim, muito difícil esse ambiente da Dul, exato é por isso que vem as inseguranças dela - além de já ter o perfil mais introspectivo - esse ambiente não a ajuda a ser mais &quot;desenvolta&quot;, segura de si. A partir dessa festa que a aproximação deles vai começar (para a gente hehe ) vamos descobrir algumas coisinhas sobre os dois ; ) Mulheer mal começamos aqui, socorro, vai com calma!! kkk Espero postar amanhã Aninha, beeijos ;* obrigada por comentar <3

  • Srta Vondy ♥ Postado em 09/04/2024 - 16:25:33

    Já começou otimaaa A paixão secreta, um cara novo interessado ( vilão ou depois será só amizade mesmo? ) uma briga do mocinho, a paixão é correspondida ? Ele imagina que ele gosta dela ? Vai ser um cafajeste ? Já tô me coçando de curiosidade, juro Que venha os próximos capítulos, até lá, beijinhos e continuaaa Lili <3

    • Diva. Escritora Postado em 09/04/2024 - 19:30:11

      Já começamos cheias de perguntas <3 amoo Talvez um pouco dos dois? (emoji de olhinhos) essa briga... E agora, vamos descobrir se é correspondida. Não entendi se é ele que imagina ou ela, mas vou responder pelos dois, não, nenhum dos dois imagina (talvez fantasiam lá no íntimo que sim) Bom, o cafajeste vou deixar você tirar as conclusões ao longo da fic. E eu já tô me coçando aqui para ver suas reações pelos próximos capítulos ahaha Logo teremos mais, obrigada Aninha pelo apoio de sempre, beeijos <3


- Links Patrocinados -

Nossas redes sociais